Barraqueiros da Ilha do Rodeadouro: Entre a pandemia e a cheia do Rio São Francisco

5
Foto: WhatsApp/Blog do Carlos Britto

Uma das categorias mais afetadas no segmento econômico da região é, sem dúvida, a dos barraqueiros da Ilha do Rodeadouro. E não é apenas por conta do novo coronavírus (Covid-19).

Se não fosse a pandemia, os comerciantes do local iam precisar de um suporte do mesmo jeito, já que a vazão liberada pela Barragem de Sobradinho (BA) deixou as principais ilhas de Juazeiro (BA) e Petrolina (PE) praticamente debaixo d’água. O Rodeadouro (foto) é uma delas. O balneário é sempre muito frequentado, sobretudo aos finais de semana.

5 COMENTÁRIOS

  1. Não tenho dúvidas de que em tudo tem a mão de Deus, mas essas inundações são previsíveis, e mais, se não existisse a Barragem de Sobradinho que hoje tem controle das cheias, á água já teria encoberto todas essas barracas da foto, não se veria nada do que está foto, só se veria água e muita. Garanto que 99% dos brasileiros não sabem por que o gentílico Carioca para os nascidos no Rio de Janeiro. É simples, é porque alí existia um Rio chamado de Carioca. Alguem aí já viu esse rio? tomaram o rio todo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome