Após matar companheira com golpes de facão em Petrolina, homem diz que vítima o traía

2

assassinoO 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) informou, no final da noite de quarta-feira (26), a provável motivação do assassinato de uma dona de casa no Residencial Nova Petrolina, ocorrido no final da tarde de ontem. O crime está sendo tratado como passional, pois a vítima foi morta pelo próprio companheiro, que alegou que a mulher havia o traído.

O acusado, identificado como Gildenor José Rodrigues, de 49 anos, utilizou um facão para decepar o braço de Maria Aparecida, de 47 anos, e depois desferiu vários golpes na vítima, que morreu no local. Enfurecido, o acusado ainda agrediu o enteado, aplicando-lhe um golpe de facão na altura da cabeça. O garoto foi encaminhado ao Hospital Universitário (HU), onde passou por procedimentos cirúrgicos e permanece internado.

Antes da chegada da Polícia, os moradores, revoltados com o crime, atearam fogo no carro de Gildenor que estava estacionado em frente à residência. Mostrando tranquilidade, o acusado, ao ser preso, disse aos policiais que teria flagrado a vítima o traindo, após ela ter saído com um homem numa motocicleta. Ele foi autuado em flagrante delito por homicídio e tentativa de homicídio e foi encaminhado à Penitenciária Dr. Edivaldo Gomes, em Petrolina, onde deve permanecer à disposição da Justiça. (foto: Marco Aurélio/para o Blog)

2 COMENTÁRIOS

  1. Que este infeliz seja punido ,depois de cometer este crime bárbaro que colocar a culpa nesta infeliz depois de ter tirado sua vida e além ser corvande aí agrediu uma criança,este infeliz é uma vergonha para a sociedade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome