Após jovem fraturar dedos dos pés no Cemitério do João de Deus, líder comunitário desabafa

1

Um fato ocorrido na manhã de ontem (29) no Bairro João de Deus, zona oeste de Petrolina, tirou do sério o líder comunitário Eugênio Alves. Após um garoto de apenas 15 anos fraturar quatro dedos dos pés devido à queda do portão do cemitério, por conta de uma forte ventania, Eugênio lamentou a situação. E soltou o verbo.

Com toda certeza receberemos a visita de vereadores fazendo seu trabalho, e de supostos líderes cobrando e perguntando aonde está o prefeito de Petrolina. Mas fica a pergunta bem clara e direta para a comunidade e a sociedade: Petrolina não tinha prefeito antes da nova gestão?”, disse Eugênio.

O líder comunitário foi mais além. Em tom irônico, ele disse a gestão passada entregou tantas Novas Sementes pela cidade, que até faltou recurso para a reforma da pequena unidade de saúde e de melhorias na estrutura do cemitério. “Eu me recordo de muitas reivindicações que pedi ao antigo prefeito. Por que será que eu não fui atendido? Fica aqui minha indignação!”, alfinetou.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome