Após dificuldades, secretária de Saúde de Petrolina prevê cenário positivo este ano

2

Em relação à série de dificuldades encontradas ao assumir a Pasta da Saúde em Petrolina, no ano passado, a secretária municipal Magnilde Albuquerque prevê um cenário bem mais positivo em 2018.

A afirmação foi dada por Magnilde na manhã desta terça-feira (15), na Casa Plínio Amorim, onde está apresentando o relatório referente ao último quadrimestre de 2017. Entre outros itens, a secretária destacou melhorias realizadas nos postos de saúde e os medicamentos em dia.

Mais detalhes pelas próximas horas.

2 COMENTÁRIOS

  1. Na gestão passada, pelo menos na Areia Branca, sempre tinha visita de uma agente de saúde nas casas. Caso houvesse necessidade ela retornava com uma médica e enfermeira. Isso é muito importante, pois com essa prevenção, diminui-se e muito os gastos com a saúde, principalmente com crianças e idosos. Prevenção é tudo. Desde que essa gestão iniciou essas visitas cessaram. Porquê?

  2. A população do bairro Dom Avelar precisa de apoio vindo da Secretaria de Saúde de Petrolina, para enviar mais profissionais da área de saúde para atender com mais agilidade as pessoas enfermas, pois tem apenas 1(um) médico clínico geral, tem só uma enfermeira ou técnica de enfermagem para aplicar vacina, tem dia que tem apenas uma enfermeira(chefe) para fazer o acolhimento e depois a mesma tem que fazer o atendimento aos pacientes agendados para exames, acompanhamento de gestantes e crianças lactantes. Além disso, tem apenas uma recepcionista para atender toda a comunidade nas marcações de consulta. Outro problema também é a falta de medicamentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome