Após 24 anos, Joseph Bandeira está de volta ao PDT: “Daqui não saio nunca mais”

2

filiação joseph ao PDTO ex-deputado e ex-prefeito de Juazeiro (BA), Joseph Bandeira, trocou de vez o Partido Socialista Brasileiro (PSB) pelo Partido Democratas Trabalhista (PDT). A solenidade de filiação ao PDT aconteceu durante o 4º Encontro da legenda na região Norte da Bahia, realizado na noite de ontem (21) na Sociedade 15 de Novembro (antigo Clube dos Caçadores), na Avenida Adolfo Viana, no Centro de Juazeiro.

filiação joseph ao PDT2O evento – bastante concorrido – contou com as presenças do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi; do presidente do PDT na Bahia, deputado Felix Mendonça Junior; do vice-presidente estadual do partido, Roberto Carlos, além de lideranças políticas da região norte do Estado, da oposição em Juazeiro e da sociedade em geral.

Eu conheço a história política de Juazeiro há mais de 30 anos. Entrei [no PDT] para ficar por aqui, nunca mais vou entrar em outro partido. O que está acontecendo hoje é que o dia está nascendo para Juazeiro, e o povo que estava triste, não tenha dúvida, começa a ficar alegre”, disse Bandeira, 24 anos após ter deixado a legenda.

Durante sua fala, Bandeira comentou sobre a crise econômica e a atual situação enfrentada pelas prefeituras de todo o país. “O problema maior que o homem pode ter na sua vida, já dizia Confúcio, é estar à altura da responsabilidade de governar a sua gente. Mas nós gostamos é de problemas mesmo. Porque se a vida é um problema, ela tem que ser resolvida. É o mesmo caso de um líder municipal, ele tem que resolver os problemas do seu povo”, argumentou o agora pedetista.

Pré-candidatura

Apesar de confirmar que é pré-candidato a prefeito de Juazeiro, Joseph Bandeira respaldou e disse que, já que a oposição está ainda mais unida, tudo pode acontecer, inclusive ele apoiar outro candidato para concorrer à cadeira atualmente ocupada por Isaac Carvalho (PCdoB). “Eu não quero ser solução para coisa nenhuma. Wank [Medrado], [Márcio] Jandir, Charles Leão, Suzana [Ramos]… todos eles podem ser candidatos a prefeito desta cidade. Mas estamos unidos e vamos resolver o que é melhor para esta terra”, afirmou.

Após ouvir de Carlos Lupi, de Mendonça Junior, de Roberto Carlos e dos demais presentes que ele terá, sim, 60 mil votos para ganhar a eleição em 2016, Bandeira foi enfático e disse que “Juazeiro não quer mais o sistema de governo que está aí, porque quando Deus quer e o povo também quer tudo pode acontecer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome