Além da disputa eleitoral: Humberto Costa, Mendonça Filho e Bruno Araújo brigam no ‘tapetão’

1
Foto Mendonça e Bruno: Portal Leia Já

A disputa entre os candidatos a senador Humberto Costa (PT), da Frente Popular, e Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB), da Coligação ‘Pernambuco vai Mudar’, não está apenas no campo eleitoral. Humberto contra os dois também travam uma ‘guerra’ na justiça. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE), por exemplo, puniu o petista pela terceira vez por divulgar fake News sobre Mendonça Filho.

O desembargador Itamar Pereira da Silva Júnior determinou a imediata exclusão das falsas notícias postadas por Humberto nas suas redes sociais, acusando Mendonça Filho pelo incêndio no Museu Nacional, no Rio de Janeiro, ligado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Na decisão, o desembargador considerou que as postagens causam impacto negativo na imagem de Mendonça como político e candidato a senador e destaca que a verba destinada ao Museu é repassada pelo Ministério da Educação para a universidade, que tem autonomia para administrá-la como bem entender.

Em contrapartida, o mesmo TRE determinou, na tarde desta sexta-feira (7), a imediata remoção de conteúdo irregular publicado por Bruno Araújo, em suas redes sociais, contra Humberto, que concorre à reeleição. Na decisão liminar, a desembargadora Karina Albuquerque Aragão Amorim considerou que Bruno agiu em “contrariedade ao permitido pela legislação”. Ex-ministro das Cidades do Governo Temer, o tucano publicou em seu Instagram e Facebook conteúdo patrocinado, com truque de montagem, de “caráter ofensivo e negativo” contra o petista, segundo a defesa do senador.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome