Corpo de jovem é encontrado com marcas de tiros na região de Pedrinhas

O corpo de um homem foi encontrado no final da tarde de ontem (20) por policiais militares do 5ºBPM, no Povoado de Pedrinhas, às margens do Rio São Francisco, área ribeirinha de Petrolina.

A vítima identificada é Edson Feitosa da Silva, de 21 anos. O corpo dele foi encontrado por populares, próximo a uma fazenda de frutas daquela região. Ao chegar ao local, a equipe acionou o 4ºGrupamento do Corpo de Bombeiros (GCB), que retiraram o corpo.

Os bombeiros constataram que Edson tinha marcas de tiros nas costas. Conforme testemunhas, a vítima havia saído do Sítio Quipá em seu barco. No meio do rio, Edson teria sido surpreendido por três indivíduos em outro barco, que efetuaram disparos de arma de fogo. A vítima foi alvejada e caiu no rio. Ele estava desaparecido desde o último dia 17. O corpo do jovem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). O caso deverá ser investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil (DPC).

Orla II de Petrolina recebe rede coletora para impedir contaminação das águas do Rio São Francisco

Um dos mais importantes cartões-postais de Petrolina, a Orla II (na Avenida José Theodomiro de Araújo) ganhará uma rede coletora para evitar o lançamento irregular de esgoto nas águas do Rio São Francisco. A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) deu início aos trabalhos nesta segunda-feira. A intervenção vai atender dois estabelecimentos comerciais que não possuem rede coletora e utilizam fossas sépticas como destino final de seus efluentes. A Compesa investe R$ 70 mil na obra, que deve ser concluída no dia 19 deste mês.

Com essa intervenção iremos impedir que essas fossas contaminem o São Francisco, tendo em vista que os estabelecimentos estão localizados às margens do rio”, informou o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, João Raphael de Queiroz. Uma equipe de dez profissionais e máquinas foi mobilizada para fazer a implantação de 250 metros de tubulações na Orla II.

Após a finalização da obra, o esgoto produzido pelos estabelecimentos será destinado à Estação Elevatória Centro e de lá, será transportado até a Estação de Tratamento de Esgoto, que fica localizada na Pedra do Bode. Para realizar os serviços, só será necessário interditar parcialmente a Avenida José Theodomiro de Araújo – que possui duas faixas – entre os dias 17 e 19 de abril.

Vídeo Blog: Equipes da AMMA detectam esgoto que caía no Rio São Francisco pela rede pluvial

Esgoto que caía no Rio São Francisco passava por rede destinada apenas a água das chuvas, revela AMMA

A retirada das baronesas das margens do Rio São Francisco, na Orla de Petrolina, Centro da cidade, revelou um cenário assustador. Equipes da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) descobriram uma grande quantidade de esgoto que saía de um ponto da rede pluvial, o qual deveria levar apenas água das chuvas até o rio. Desde a última segunda-feira (3), iniciou-se uma investigação a fim de saber a origem do problema. Após um trabalho minucioso, foi descoberto um dano na rede de esgoto, na esquina das Ruas João Cigano e Coronel José Rabelo Padilha, localizado no Centro antigo da cidade. Em vez de seguir pela rede de coleta, todo o esgoto das imediações daquela área tinha como destino o São Francisco. (mais…)

Preocupado com colapso do Rio São Francisco, senador FBC propõe nova audiência

Proposta pelo senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), a próxima audiência pública a ser realizada pela Comissão Mista sobre Mudanças Climáticas (CMMC) do Congresso Nacional tratará do iminente colapso do Rio São Francisco. Segundo FBC, o Velho Chico abastece diferentes municípios da Região Nordeste que, pelo sexto ano consecutivo, deverá enfrentar uma severa e prolongada seca.

Ontem (5) a CMMC aprovou requerimento do senador para a discussão do tema pelo colegiado, com destaque para a importância de revitalização das nascentes do São Francisco. “Novamente, o rio enfrenta períodos com precipitações muito baixas, sobretudo na cabeceira, o que sublinha a necessidade de serem tomadas medidas rápidas de revitalização, até mesmo em caráter emergencial”, ressaltou o líder do PSB no Senado, durante sessão de ontem à tarde do Plenário da Casa.

Para a audiência pública na CMMC, prevista para ocorrer ao longo dos próximos 15 dias, Bezerra Coelho – que foi presidente e relator da comissão em 2015 e 2016, respectivamente – antecipou que serão convidados ao debate, representantes de órgãos que monitoram o rio e acompanham a crise hídrica no Nordeste e em outras regiões do país, como no estado de Minas Gerais. “Que, junto com a Bahia, abriga grandes tributários de água para o São Francisco”, observou o líder.

Além da Agência Nacional de Águas (ANA), deverão participar da audiência pública na Comissão Mista sobre Mudanças Climáticas instituições como a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), o Ibama e o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). O debate também tratará da situação da Serra da Canastra, em Minas Gerais, onde estão localizados importantes rios alimentadores do São Francisco. “É importante replantar as matas ciliares, drenar bancos de areia e proteger estes rios, muitas vezes esquecidos”, defendeu Fernando Bezerra, relator do Projeto de Lei 147/2010, que cria a Área de Proteção Ambiental (APA) e amplia os limites da Unidade de Conservação do Parque Nacional da Serra da Canastra (PNSC).

Lago de Sobradinho

Na presidência e relatoria da CMMC, o senador coordenou dezenas de audiências públicas destinadas a buscar soluções que evitassem o colapso hídrico no Nordeste. Um dos resultados destes debates foi a instalação de equipamentos de captação e bombeamento de água do Lago de Sobradinho para a garantia do abastecimento à população e aos perímetros da agricultura irrigada do Vale do São Francisco, graças ao empenho de Bezerra Coelho junto a diferentes órgãos do governo federal. As informações são da assessoria. (foto/divulgação)

Senadora baiana alerta ministro da Integração para revitalização do São Francisco

Vice-presidente da Comissão de Desenvolvimento Regional do Senado, Lídice da Mata (PSB-BA) chamou a atenção do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, para a revitalização do Rio São Francisco. Durante audiência realizada nesta quarta-feira (5), cujo objetivo foi apresentar aos parlamentares as diretrizes da Pasta para os próximos dois anos, Lídice disse que sem a melhoria da qualidade da água do rio, a transposição não cumprirá sua função.

A presidente da Comissão, senadora Fátima Bezerra (PT-RN), lembrou que o assunto será tema de outra audiência pública da CDR, também com a participação do ministro, para detalhar o projeto ‘Novo Chico’, que pretende revitalizar o rio. O pedido dessa nova audiência partiu da senadora baiana, a quem o ministro, durante o encontro desta quarta, elogiou a iniciativa e confirmou participar em breve.

Lídice é autora do projeto de lei PLS 86/2015, aprovado em 2015 em decisão terminativa pela Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) do Senado, e prevê que o Programa de Revitalização do São Francisco se torne uma política pública mais consistente. Com este projeto, a senadora quer fazer constar em lei princípios, objetivos e ações prioritárias para revitalizar a bacia, por meio de ações coordenadas.

Ela também incluiu, na proposta, a previsão de criação de órgãos específicos para a gestão de recursos hídricos nos governos dos estados e nas prefeituras de municípios cortados pelo rio. O projeto determina, ainda, que os recursos arrecadados com a cobrança pelo uso da água do Velho Chico sejam aplicados, prioritariamente, na recuperação de áreas degradadas. Também estabelece que sejam criadas ou ampliadas unidades de conservação em áreas essenciais para a produção de água na bacia hidrográfica. O PLS 86/2015 encontra-se em análise na Câmara dos Deputados. (foto/assessoria divulgação)

 

 

Vazão do Lago de Sobradinho volta a prejudicar barquinhas na travessia Juazeiro/Petrolina

A primeira etapa da redução da vazão, de 650 metros cúbicos de água por segundo (m³/s) do Lago de Sobradinho, no norte da Bahia, voltou a interferir no atracamento das barquinhas que fazem a travessia pelo Rio São Francisco entre Juazeiro/Petrolina.

Devido ao baixo nível do Velho Chico, as barquinhas estão parando cada vez mais distantes, o que tem ocasionado transtornos aos passageiros, que muitas vezes sujam os pés ao descerem das embarcações. Com o período chuvoso, a situação piora.

Tanto em Juazeiro quanto em Petrolina, a água já recuou bastante da margem do rio. Anteriormente, estava em vigor a autorização para a média diária mínima de 700 m³/s. Vale frisar que a o Lago de Sobradinho está, segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), com pouco mais de 15% de seu volume útil.

Caso não seja observado o comprometimento aos usos da água e aos usuários do recurso, a Chesf poderá executar a segunda etapa do teste, que terá vazão reduzida para uma média diária de 600 m³/s”, justificou a Agência Nacional de Águas (ANA), após autorizar a diminuição da vazão.

Petrolina lança projeto Orla Nossa de preservação do Rio São Francisco

O prefeito Miguel Coelho (PSB) acompanha, nesta segunda-feira (20), às 10h, o lançamento do projeto Orla Nossa. A iniciativa agrega uma série de atividades para preservar o Rio São Francisco e envolver a população na defesa do maior patrimônio natural do Vale.

A primeira etapa do projeto foi destinada a estudos técnicos sobre a situação da orla fluvial. Agora, as equipes da Prefeitura irão retirar baronesas e lixo nas margens do Velho Chico. Também será realizada, em parceria com a Compesa, uma operação para identificar ligações clandestinas e fechar tubulações que despejam esgoto no rio.

O projeto Orla Nossa é uma iniciativa da Prefeitura de Petrolina coordenada pela Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA). O trabalho envolve diversas secretarias, Governo do Estado e IF Sertão na defesa do Rio São Francisco. (Foto: Ascom)

Vereador Aero Cruz acompanha equipes da Prefeitura em limpeza de baronesas no Rio São Francisco

A Prefeitura de Petrolina iniciou nesta sexta-feira, 17, a limpeza das baronesas do Rio São Francisco. Quem acompanhou o serviço de perto, no início da tarde foi o vereador Aero Cruz (PSB). O trabalho vem sendo desempenhado pela secretaria de Habitação e Infraestrutura e pela Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA). Aero que é um ribeirinho apaixonado pelo Velho Chico, elogiou a postura do prefeito Miguel Coelho (PSB) em olhar para uma ação tão importante como é a proteção do rio.

“Como um petrolinense nascido e criado na beira do rio, fico feliz em ver que o prefeito Miguel tem a preocupação em cuidar e proteger o nosso Rio São Francisco. Agora vamos atuar firme junto ao prefeito para que as obras de saneamento compartilhadas entre a Prefeitura e a Compesa, sejam concluídas o quanto antes para que os esgotos deixem de ser uma realidade dura e cruel nesse que é o nosso maior patrimônio”, concluiu Aero Cruz.

Adolescente grávida morre afogada em ‘prainha’ na Orla de Juazeiro

Mais um afogamento foi registrado no Rio São Francisco, mais precisamente na área conhecida como ‘prainha’, atrás da Agência Fluvial de Juazeiro (BA). O fato aconteceu na tarde de ontem (12). Larissa Carvalho, de 17 anos, foi a vítima.

Segundo informações, ela estava grávida e teria tentado salvar uma outra garota. A outra jovem sobreviveu, mas Larissa não resistiu, mesmo tendo sido socorrida.

Várias tragédias semelhantes já ocorreram no mesmo local. As autoridades continuam afirmando que a área não é apropriado para banho, pois a correnteza é forte e existem muitas pedras. (foto/reprodução Facebook)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br