Campanha lançada pelo Blog alerta para número crescente da violência contra mulheres em PE e quer mobilizar sociedade

Em Pernambuco quase 90 mulheres são vítimas de agressão por dia, o que significa um caso a cada 17 minutos. Os números alarmantes foram destacados na manhã de hoje (24), durante lançamento da Campanha ‘Amor sem Violência’, idealizada pelo Blog de Carlos Britto/Agência Plena News, que aconteceu no Sest/Senat de Petrolina.

O evento contou com a presença do prefeito Miguel Coelho, além do atual presidente da Facape, Professor Antonio Habib, de representantes de associações de mulheres da cidade e da administração municipal.

‘Estrelas’ da campanha, a cantora Yara Tchê e a digital influencer Karla Rocha ressaltaram a importância da iniciativa. Ambas não cobraram nenhum cachê para participar. Yara destacou que a violência de gênero não é só física e argumentou que a mulher não pode sofrer calada. “Queria com minha atitude, ao participar da campanha, encorajar as mulheres a denunciar seus agressores”, frisou.

Karla não só reforçou as palavras da cantora, como chegou a revelar ter vivido esse drama na pele, ao lembrar que acionou a Lei Maria da Penha contra seu ex-marido. Ela informou que 80% dos seus seguidores no Instagram são mulheres. “Por isso sempre falo no empoderamento como forma de estimulá-las”, pontuou.

Titular da Secretaria Executiva da Mulher, Talita Andrade se disse “motivada e confortável” em estar à frente de uma Pasta na qual o prefeito Miguel Coelho também está engajado nessa causa. Ela argumentou que o papel da secretaria não é apenas de ajudar nas denúncias de agressão, mas também de orientar as mulheres sobre seus direitos. Mas para Talita, um dos pontos cruciais que podem mudar essa realidade passa pela educação. “Precisamos desde cedo orientar e educar as crianças de que agressão contra a mulher é crime”.

Parceria

Um dos primeiros a selar parceria com a campanha, Miguel enalteceu a iniciativa. Ele acredita que outras ações parecidas deverão surgir a partir disso. O prefeito destacou ainda que o problema da violência de gênero não diz respeito às leis, mas na execução das mesmas. “O Brasil é o país que tem a terceira melhor legislação no mundo de combate à violência contra a mulher, mas somos o quinto país que mais pratica esse tipo de violência. Temos a proteção, mas não estamos conseguindo essa proteção para as mulheres. E isso vai desde o social à educação”, afirmou. O prefeito lembrou ainda que a maioria dos casos de agressão tem o companheiro ou o ex como algozes, o que mostra, segundo ele, “uma base familiar mal estruturada”.

Miguel disse ainda que, com a participação de todos os segmentos da sociedade em torno da questão, boas ideias poderão surgir para mudar essa realidade. Da parte do município, o prefeito assegurou medidas protetivas que garantam os direitos das mulheres vítimas de agressão.

Blogueiro e um dos diretores da Plena, Carlos Britto justificou que o número crescente de casos de violência contra a mulher, especialmente em Pernambuco, deveria servir como ‘tapa de luvas’ na sociedade. “Enquanto cidadãos, não podemos apenas esperar pelas autoridades. Temos também o dever de nos conscientizarmos e alertar para esse problema. Esse é o objetivo da campanha“, finalizou.

Petrolina se mobiliza em Dia de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Mobilização e conscientização marcaram o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, nesta quinta-feira (18), em Petrolina. Durante toda a manhã, equipes da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos realizaram panfletagens com o objetivo de conscientizar a sociedade para a importância de reconhecer e também denunciar esses casos.

A concentração aconteceu na Praça do Bambuzinho, no centro da cidade, onde quem passou pelo local teve a oportunidade de refletir sobre o assunto e também obter informações acerca das diversas formas de fazer uma denúncia.

A diretora de proteção especial, Jéssica Richele, explica que o objetivo do evento foi chegar mais perto da comunidade e alertar sobre a importância de denunciar os casos de abuso. “Desde ontem já estamos discutindo estas ações para dar visibilidade a esta causa. Estamos aqui porque queremos chegar mais perto da comunidade e mostrar às pessoas como elas podem nos ajudar a combater este abuso através das denúncias”, disse.

A ação contou com a participação do Conselho Tutelar e também da Associação Civil de Articulação para a Cidadania  (Acari). A proposta do 18 de Maio é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes.  A data foi instituída em 1998, em evento na Bahia.

Odacy

Na última quarta-feira (17), o deputado estadual Odacy Amorim (PT) defendeu medidas mais duras contra os acusados de praticar violência sexual contra crianças e jovens. Um dos pontos sugeridos pelo parlamentar é a “castração química.  (Foto: Ascom)

 

Governo da Bahia usará interatividade nos meios digitais para alertar contra os perigos do Aedes aegypti

Uma nova campanha de combate ao mosquito Aedes aegypti foi lançada pelo Governo da Bahia, nesta segunda-feira (15). A ação, apresentada para estudantes da rede pública durante evento no Colégio Estadual de Aplicação Anísio Teixeira, no Bairro de São Marcos na capital, Salvador, vai usar redes sociais como o Instagram, Facebook e Youtube para ampliar o alcance da campanha e engajar públicos diversos.

Ao lado dos titulares das pastas estaduais da Educação, Walter Pinheiro, e de Comunicação, André Curvello, o secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, ressaltou que “influenciadores digitais e vídeos com um pouco de humor estimulam o compartilhamento da mensagem, que é simples e direta: ou você toma uma atitude ou o mosquito toma conta”.

A campanha também terá anúncios em sites, jornais, revistas, outdoors, busdoors, além da exibição de comerciais nas rádios e tevês de todo o estado. Para ao secretário André Curvello (Secom), apostar na diversidade de linguagens é garantir que a mensagem chegue aos baianos. “Entendemos a importância do tema e tentamos utilizar todas as ferramentas possíveis da comunicação, no sentido de que a gente atinja o maior número de pessoas. Essa é uma campanha complexa, que já começou a ser veiculada em todos os meios ‘off’ e online. Acredito que nunca fizemos uma campanha com tanta força nas redes sociais como esta”.

Com o uso da tecnologia, a apresentação desta segunda-feira mostrou aos estudantes a história do Aedes e a forma como foi disseminado pelo mundo, bem como as estratégias de combate ao mosquito, que é vetor de doenças como a dengue, zika e chikungunya. “Em uma única ação utilizamos a interatividade de um vídeo 360°, propusemos uma mini gincana, apresentamos o ciclo de vida do mosquito com o auxílio de microscópios e montamos uma estrutura de mini cinema para exibir dois vídeos educativos”, explicou Fábio Vilas-Boas. Uma caravana com dois caminhões levando o cinema ao ar livre, os óculos de realidade virtual, microscópio e outras atividades, vai percorrer as escolas estaduais, da capital e do interior, com as ações da campanha. De acordo com o secretário Walter Pinheiro, a ideia é fazer com que as atividades cheguem às 1.300 unidades da rede pública.

“Estamos fazendo uma campanha que leva a conscientização e uma série de ações de combate ao mosquito, com a utilização de novas ferramentas. E a campanha encontra nas escolas o ambiente ideal para fazer essas ações florescerem. Queremos que o combate ao mosquito seja debatido dentro das salas de aula, que não seja pontual, mas que faça parte de uma prática de educação e formação”, destacou.

‘Saúde da Escola’

Durante o evento, os secretários estaduais da Saúde e Educação também assinaram a adesão ao novo Programa ‘Saúde na Escola’, que destina recursos federais para as escolas públicas, sejam elas municipal, estadual ou federal. Nesse sentido, algumas ações são prioritárias, como a visita de profissionais de saúde nas escolas, ações de combate ao mosquito Aedes aegypti; avaliação de Saúde bucal, e a prevenção ao uso de álcool e outras drogas. A ideia é dar atenção integral à saúde dos estudantes da rede pública através de ações de promoção, prevenção e enfrentamento das situações que podem gerar vulnerabilidade. (Foto: Ascom)

‘Dezembro Laranja’ quer alertar para combate e prevenção ao câncer de pele

exame cancer de pelePelo terceiro ano consecutivo, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) promove a campanha ‘Dezembro Laranja’. Diante da chegada do verão, a proposta é conscientizar a população sobre a necessidade do combate e prevenção do câncer de pele.

Para participar, basta acessar o site da campanha e compartilhar o conteúdo nas redes sociais, utilizando as hashtags #dezembrolaranja e #controleosol. Também é possível alterar a foto de perfil no Facebook e no Twitter usando o aplicativo da campanha.

De acordo com a Sociedade de Dermatologia, o diagnóstico precoce do câncer de pele é fundamental para o sucesso do tratamento. A campanha reforça, portanto, a necessidade das chamadas atitudes fotoprotetoras de fácil execução no dia a dia do brasileiro.

Diversos pontos turísticos e monumentos em todo o país ganharam iluminação especial com a cor da campanha em pontos centrais das cidades no intuito de reforçar que o câncer da pele pode ser prevenido.

No Rio de Janeiro, o Bondinho Pão de Açúcar foi o primeiro monumento a abraçar a causa. No último dia 1º, além de se “vestir” de laranja, o local recebeu artistas, médicos e outros convidados para o lançamento da campanha, que contou com a presença da bateria da Escola de Samba Portela.

O Museu de Arte Contemporânea, em Niterói, a Pinacoteca Benedicto Calixto, em São Paulo, a Ponte Newton Navarro, no Rio Grande do Norte e o estádio Beira Rio, no Rio Grande do Sul também se uniram no combate ao câncer da pele durante o Dezembro Laranja.

Super Protetor

O mascote Super Protetor é a estrela de um desenho animado lançado pela SBD para disseminar o Dezembro Laranja de forma descontraída e consciente a adultos e crianças. Ele tem como armas de proteção capa, óculos escuros e protetor solar, além de um relógio para avisá-lo qual o melhor horário para tomar banho de sol.

O desenho aborda situações do cotidiano e reforça a necessidade de fotoproteção no dia a dia, principalmente entre crianças e adolescentes. A entidade alerta que os efeitos nocivos do sol estão diretamente relacionados a intensidade da exposição solar desde a infância, sendo cumulativos e irreversíveis.

Cenário

Dados do Instituto Nacional de Câncer estimam que, em 2016, foram contabilizados cerca de 176 mil novos casos de câncer da pele não melanoma no Brasil. Os principais tipos de câncer registrados no país são os de pele não melanoma (para ambos os sexos), o de próstata e o de mama. Já a Organização Mundial da Saúde (OMS) prevê que, no ano 2030, haverá no mundo 27 milhões de casos novos de câncer, com 17 milhões de mortes pela doença e 75 milhões de pessoas vivendo com câncer. O maior efeito desse aumento incidirá em países em desenvolvimento. No Brasil, o câncer já é a segunda causa de morte por doenças, atrás apenas das do aparelho circulatório. (fonte: Agência Brasil/foto: Fernando Brazão)

Artigo do leitor: “A nova presidente do STF e o combate à corrupção no país”

corrupcao_3_siteNeste artigo, o leitor Alberto de Andrade Silva comenta sobre a posse da juíza Carmen Lúcia como presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e a necessidade de um combate diuturno contra a corrupção no país.

Confiram:

Em Brasília (DF) andaram rolando opiniões e conversas pestilentas em torno de uma anistia para atos de corrupção até agora. A ideia é de perdoar o passado e “passar a punir” com rigor, daqui pra frente. Que absurdo!

Os morotós da Pátria ainda se perguntam: “se não for assim, como será? Todos os políticos serão presos?” Perguntas cretinas, que se fossem dirigidas a mim eu lhes diria que não. Os presídios devem manter as portas abertas somente para os politiqueiros, também chamados de politicalhões, que precisam ser, definitivamente, banidos eternamente da vida pública.

Neste direcionamento, hoje (12), acho oportuno lembrar, com muita satisfação, que a exímia e digníssima juíza Carmem Lúcia está assumindo a presidência do Supremo Tribunal Federal – STF.

Ela é mais uma estrela que vai brilhar e iluminar decisões justas em rumos acertados, para a maximização do combate ao cruel vício da corrupção arraigada nesta nação, que se encontra anêmica de tanto ser sugada por corruptos e corruptores sem nenhum senso de patriotismo.

Alberto de Andrade Silva/Leitor

Resultado significativo, apesar das dificuldades

Polícia Militar PE novaMesmo diante das já conhecidas dificuldades de trabalho no combate à criminalidade em Petrolina, a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), através do 5°Batalhão, procura dar as respostas à sociedade. Na última quinta (4), o 5ºBPM não registrou nenhuma ocorrência na cidade. Isso mesmo.

O fato merece destaque, sobretudo porque o Governo do Estado, em relação ao Sertão, não tem dado o mesmo trato à segurança pública como dá em outras regiões de Pernambuco.

Retomada das ações da ‘Operação Divisa Segura’ será discutida nesta quinta-feira em Juazeiro

A retomada das ações da ‘Operação Divisa Segura’, programa da Polícia Militar (PM) que tem como objetivo o combate à entrada de drogas na Bahia e estados vizinhos e como forma de coibir outros tipos de crime, acontecerá nesta quinta-feira (2) no Grande Hotel de Juazeiro (BA), bairro Santo Antonio, a partir das 8h30.

De acordo com a assessoria do Comando de Policiamento Regional Norte (CPRN), o evento contará com a participação do Comandante Geral da PMBA, Coronel Anselmo Brandão (foto), além de representantes de órgãos relacionados à Segurança Pública estadual e  das Polícias Militares dos Estados que fazem divisa com a Bahia (Maranhão, Piauí, Paraíba, Ceará, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Sergipe, Alagoas, Goiás, Espírito Santo, Tocantins e Minas Gerais).

Em solenidade pelos 199 anos da PC, Paulo Câmara destaca “integração de forças” no combate à violência

paulo câmara Policia CivilO governador de Pernambuco, Paulo Câmara, destacou a integração entre as diferentes instituições que atuam no combate à violência como essencial para a consolidação de uma cultura de paz no Estado. A declaração foi feita na noite de ontem (28), durante cerimônia em comemoração pelos 199 anos da Polícia Civil (PC), no Teatro de Santa Isabel, no Recife.

Câmara lembrou que essa união tem registrado bons frutos desde o lançamento do programa Pacto Pela Vida, em 2007, no primeiro Governo de Eduardo Campos. Na ocasião, o gestor comandou a entrega das Medalhas de Honra ao Mérito Policial – classe Ouro a pernambucanos que se destacam na promoção da segurança pública.

“Nós sabemos do trabalho difícil que é fazer segurança pública no nosso Estado. Temos noção dos desafios, mas temos também que continuar trabalhando com perseverança, em busca de promover em Pernambuco a cultura da paz, da redução do número de homicídios, assaltos e furtos. E, para isso, a gente precisa de um sistema estruturado, um sistema que funcione, que tenha toda uma política trabalhada por trás”, apontou Paulo, destacando a preocupação da gestão estadual em investir na segurança pública através, também, da valorização do servidor. Para garantir o estímulo das tropas, o governador terá de se desdobrar, uma vez que o governo já admitiu dificuldades para honrar o acordo firmado nesta semana, que evitou uma greve geral da categoria. (foto: Roberto Pereira/SEI)

Sest/Senat de Petrolina reforça combate ao Aedes com caminhada de conscientização no Quilômetro 2

campanha aedes sest senat2

Seguindo o exemplo de outras instituições de Petrolina, o Set/Senat também reforçou na manhã deste sábado (27) a luta no combate ao Aedes aegypti, o transmissor da dengue, zika e chikungunya. (mais…)

Secretaria de Saúde de Petrolina realizará espetáculo teatral para alertar sobre Aedes

reunião espetaculo aedesCom o objetivo de ampliar as ações de conscientização acerca do combate ao Aedes aegypti, as Secretarias de Saúde e a de Turismo de Petrolina estão articulando em conjunto a realização de um espetáculo teatral com os Agentes Comunitários de Saúde (ACSs).

Em reunião com atores e o secretário de Turismo, Iuric Pires, a secretária de Saúde Lúcia Giesta definiu as primeiras ações. serão escolhidos, inicialmente, 10 agentes para participar. Eles precisam ter afinidades com a arte da dramaturgia para levar a mensagem de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Para o ator e diretor Marcos Velasch, “o espetáculo tem uma linguagem compreensível para que todos, independentemente de idade e classe social, repassem a informação“. A ideia é que os dois grupos percorram escolas municipais, espaços públicos e eventos na cidade. (foto/divulgação)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br