Recolhimento do ‘Monumento da Muriçoca’ não é o fim da picada

4
(Fotos: Reprodução/WhatsApp)

Quem é de Juazeiro (BA) sabe que toda sexta-feira a Prefeitura inaugura uma obra. Ontem (16), paralelo a uma inauguração do Governo Paulo Bomfim no Itaberaba, uma escultura também foi inaugurada no bairro João XXIII, mais precisamente em frente à rodoviária.

O ‘Monumento da Muriçoca’ – como foi apelidada a escultura de um pernilongo gigante – foi colocado na saída do terminal rodoviário e a notícia ganhou repercussão nas redes sociais. Muita gente disse que a arte seria uma forma de chamar a atenção do Poder Público Municipal para a infestação de muriçocas que ocorre na cidade, principalmente nos arredores da rodoviária.

Rafael Pereira da Cruz, que se diz autor do monumento, esclarece, através do Facebook, que sua intenção era gravar um vídeo e colocar no YouTube. Acontece que Rafael só divulgou o vídeo explicando isso depois que a Prefeitura já havia mandado recolher a obra.

Ele diz que gastou tempo e dinheiro para construir a peça, e que vai fazer de tudo para tê-la de volta. “Eu quero que alguém, alguma autoridade me devolva“, diz ele, num vídeo divulgado em seu Facebook. “Isso não existe… Eu posso expor minhas ideias. Se não pode ser ali, pode ser em outro lugar“, continua Rafael.

Mais uma vez, Juazeiro é alvo de polêmica envolvendo coisas pequenas, mas que se tornam grandes diante da repercussão das mídias sociais. E Rafael Pereira fez questão de citar um caso recente, envolvendo esculturas de um artista plástico que nada dizem sobre a história da cidade e que estão espalhadas pela Orla até hoje.

São celeumas como essa e tantas outras que apequenam Juazeiro, deixando a cidade ainda mais atrasada. Remover a escultura não resolve nada, afinal, isso com certeza não é o fim da picada. O Blog solicitou um posicionamento da Prefeitura de Juazeiro sobre o caso.

4 COMENTÁRIOS

  1. Com todo respeito Carlos Britto, mas isso seria repercussão em qualquer lugar do mundo, uma muriçoca gigante, é para chamar a atenção mesmo. Não estou dizendo que a prefeitura está certa em ter retirado, tbm ñ sei se está errada, mas acho preconceituoso de sua parte dizer que isso “apequena Juazeiro”, sua colocação parece mais com discurso de Petrolinense soberbo. 220 mil habitantes não é uma cidade grande, como 340 mil tbm não, mas são números de cidades medianas e somadas passam sim a representar um número considerável, do tamanho de algumas capitais por sinal. Bem o fato foi engraçado, gostei muito da iniciativa do autor, e isso repercutiria nas redes sociais de qualquer lugar, Juazeiro não seria diferente.

  2. A questão das muriçocas se concentram com grande intensidade na Rodoviária de Juazeiro e bairros circunvizinhos.

    Mas a cidade não são todos os locais da cidade.

    Em Petrolina é na Orla II, na Honorato Viana próximo ao UPA, Loteamento Padre José de Castro, Vale das Esmeraldas, parte do São Gonçalo, porém não com grande intensidade como a Rodoviária de Juazeiro e Bairros adjacentes a Rodoviária.

    Em

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome