IF Sertão-PE de Ouricuri abre vagas para curso de captação e manejo de água

IF Sertão PESeguem abertas até sexta-feira (27) as inscrições para 180 vagas destinadas ao curso de Captação e Manejo de água, oferecido pelo IF Sertão-PE/Campus Ouricuri.

A modalidade é para Formação Inicial e Continuada (FIC), com jornada de 200 horas. Os interessados devem ser filhos de agricultores com idade entre 18 e 29 anos e residirem em comunidades rurais dos municípios de Araripina,Exu, Flores,Granito, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena e Serra Talhada.

Para mais informações é só acessar o site  www.ifsertao-pe.edu.br/ouricuri.

Em casa, Juazeirense enfrenta o Jacobina e tenta se manter líder isolado do Grupo A do Baianão

Nesta quarta-feira (25), o Estádio Adauto Moraes, em Juazeiro, vai ser palco para uma grande disputa pelo Campeonato Baiano de Futebol 2015. O Juazeirense vai enfrentar o Jacobina e tentará se manter líder isolado do Grupo A da competição.

Vindo de duas vitórias e um empate, o Juazeirense, comandando por Quintino Barbosa, deve estar preparado para enfrentar o time da ‘Terra do Ouro’, que é comandado por Andrade, ídolo do Flamengo. A partida está prevista para começar às 20h30.

Orocó: Prefeito comemora aquisição de maquinário agrícola e enaltece esforço de Fernando Filho

maquinário orocóEm Orocó (PE), no Sertão do São Francisco, o prefeito Reginaldo Crateú, o ‘Dédi’ (PT) ainda comemora a aquisição de dois tratores e equipamentos agrícolas para o município.

O maquinário foi comprado através de emenda parlamentar do deputado federal Fernando Filho (PSB), o qual é apoiado politicamente pelo prefeito. “O deputado Fernando Filho reforça o compromisso e a responsabilidade que tem com nosso povo”, declarou Dédi.

MPF bloqueia bens de deputado e ex-secretário de Turismo de PE

Silvio Costa FilhoO Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco (PE) conseguiu, via judicial e em caráter liminar, o bloqueio de bens dos envolvidos em irregularidades na contratação de artistas em eventos festivos nas cidades de Goiana, Itapissuma, Paulista e Itamaracá, no litoral pernambucano, além de Bezerros (no Agreste). Segundo assessoria do MPF, os danos aos cofres públicos somam R$ 717,5 mil em valores atualizados. Os recursos eram provenientes do Ministério do Turismo. A responsável pelo caso é a procuradora da República Sílvia Regina Lopes.

A liminar da Justiça Federal permitiu bloquear os bens do ex-secretário estadual de Turismo e atual deputado reeleito, Sílvio Costa Filho (na gestão 2007/09), do então assessor jurídico da secretaria, Edvaldo José Cordeiro dos Santos e do advogado que deu o visto de ratificação das contratações, André Meira de Vasconcelos. O bloqueio determinado foi de R$ 2,1 milhões (importância do dano mais valor máximo da multa).

Também é alvo da determinação a presidente da comissão permanente de licitação à época, Maria de Fátima Vaz de Oliveira, além das pessoas jurídicas Ogiva Produções e Eventos, Luminário Produções, Cíntia Kato Floricultura, Ricardo Alexandre da Costa Silva e Carla Marroquim.

O valor da indisponibilidade de bens, nesses casos, variou entre R$ 117 mil e R$ 1,3 milhão. Na decisão, a Justiça Federal enfatizou que o bloqueio dos bens visa a garantir o ressarcimento dos danos causados aos cofres públicos, caso os acusados sejam condenados no processo.

De acordo com ação de improbidade do MPF, o Ministério do Turismo firmou, em 2008, dois convênios com a Secretaria Estadual de Turismo para apoiar os eventos nas cidades citadas. Os recursos deveriam ter sido usados para contratação de empresa produtora de eventos, que ficaria responsável por contratar artistas locais, e de empresas para prestação de serviços como locação de equipamentos, filmagem e segurança.

Porém, dados da Controladoria-Geral da União, repassados ao MPF, revelaram irregularidades na realização dos convênios, além da não aprovação da prestação de contas da Secretaria pelo Ministério do Turismo. Entre as irregularidades apontadas estão inexigibilidade e dispensa indevidas de licitação, bem como a não comprovação da realização dos eventos previstos nos contratos, embora os pagamentos tenham sido feitos. As apurações também revelaram que era feito rodízio entre as empresas contratadas por meio da dispensa de licitação.

Sanções

O MPF requer, na ação, que os envolvidos sejam condenados por atos de improbidade administrativa. As sanções previstas são: ressarcimento integral do dano, corrigido monetariamente, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos por até oito anos, pagamento de multa e proibição de contratar com o Poder Público, bem como de receber benefícios, incentivos fiscais ou creditícios, por três anos. O processo está na 7ª Vara Federal de Pernambuco sob o nº 0806096-60.2014.4.05.8300. (foto/reprodução)

Semana Santa: Pescadores de Petrolina receberão orientações sobre conservação de peixes

peixes na rede

Às vésperas da Semana Santa, a Vigilância Sanitária de Petrolina começa a preparar os pescadores para o período de vendas de peixes na cidade. Na próxima terça-feira (3/03) uma reunião com a categoria deve discutir temas relacionados às condições de conservação, armazenamento e temperatura  na qual o produto é comercializado. O encontro acontecerá no auditório da Secretaria Municipal de Saúde, localizada na Avenida Fernando Góes (537, Centro da cidade), a partir das 19h.

De acordo com o diretor-presidente da Agência de Vigilância Sanitária de Petrolina, Jarbas Costa, todo os anos, durante o período da Semana Santa, os fiscais do órgão intensificam as fiscalizações nos locais, mas este ano será diferente.

“Primeiramente, vamos realizar este encontro para abordar assuntos referentes à educação sanitária. Posteriormente, vamos promover um curso de manipulação de alimentos. Nosso intuito é capacitá-los o máximo possível para que, durante o período de inspeções o registro de apreensões de produtos em condições inadequadas para consumo não seja significativo”  afirmou o diretor.

Vereador de Tabira garante que investigação sobre compra ilegal de medicamentos não acabará em “pizza”

Camara_municipal tabiraIntegrante da Comissão Especial da Câmara de Tabira (PE), criada para investigar licitações para compra de medicamentos pela Prefeitura, o vereador Djalma das Almofadas garante que as investigações não acabarão em “pizza”.

De acordo com Djalma, a Comissão levará 40 dias, no máximo, para apresentar resultados. (com a colaboração de Anchieta Santos/para o Blog)

Por conta das chuvas, Coordenação de Defesa Civil de Petrolina assiste famílias em áreas de risco

ChuvasAs recentes chuvas em Petrolina deixaram em alerta a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil. O órgão está distribuindo materiais de assistência a segurança a famílias residentes em locais de risco na cidade.

Algumas ações preventivas – como desobstrução de galerias, limpeza de canais e distribuição de lonas -foram realizadas em dezembro do ano passado, mas alguns bairros ainda estão vulneráveis, como Cosme e Damião, Vila Marcela, Carneiro e Pedro Raimundo.

O número de ocorrências notificando situações negativas por conta das chuvas diminuiu, devido a grande quantidade de famílias contempladas por programas habitacionais na cidade de Petrolina.

Em caso de urgência, a população pode acionar a Defesa Civil através dos números 153 ou 3862-9164.

Julianeli Tolentino garante que estava “preparado” para assumir antigo HUT e suscita questionamentos sobre extinta Femsaúde

julianeli (1)Sobrou paciência ao reitor da Univasf, Julianeli Tolentino, para responder à sabatina dos vereadores de Petrolina, ontem (24), na Casa Plínio Amorim. E ele não deixou nenhuma pergunta sem resposta.

Disse, por exemplo, que “faria tudo de novo, mesmo sabendo o que passaria” em relação a assumir a gestão do antigo Hospital de Traumas (HUT) – atual HU. Julianeli aproveitou para comentar a extinção, em 2012, do Fundo Municipal de Saúde (Femsaúde), determinada pelo Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE).

O reitor lembrou que se o hospital custava para os cofres da prefeitura, até então, R$ 2 milhões mensais, não dá para entender por que o município tem uma dívida (o Femsaúde) de R$ 16 milhões com os funcionários da unidade médica. “Eu acho que não custava R$ 2 milhões”, afirmou, acrescentando que sem o Femsaúde, o cenário do antigo Traumas seria desolador.

Ao responder ao vereador Betão (PSL), que insinuou que o reitor assumiu uma responsabilidade da qual não estava preparado, Julianeli assegurou que a Univasf estava, sim, pronta para assumir a gestão do HU. “O que acontece é que ninguém sabia os custos daquele hospital, nem nós. Não era uma questão de estar ou não preparados, mas havia inúmeras indefinições e vários fatores contribuem para isso. Existia esse panorama, naquele momento, e nós não poderíamos nos esquivar. A hora era aquela”, avaliou.

Diretoria da UPE esclarece falta de professores e afirma que novos docentes só podem ser admitidos após concurso

Universidade de Pernambuco UPEO diretor da UPE/Campus Petrolina, Moisés Almeida, enviou nota ao Blog na qual esclarece as reclamações de alguns alunos sobre a falta de professores na instituição. Segundo ele, o problema ocorre porque, segundo a lei, os novos docentes só devem ser admitidos mediante a realização de concurso público. Vejam o quadro da falta de professores: Quadro sinótico da falta de professores

Confiram:

Assumimos a Direção em dezembro de 2012 e encontramos como prática da gestão anterior a contratação de professores para suprir a falta de docentes efetivos do campus desde muito tempo. Nos dois anos de gestão mantivemos essa prática, porém, a partir de 2015 não mais contrataremos docentes, pelos os motivos a seguir:

 a) O artigo 37, inciso II, da Constituição Federal estabelece a obrigatoriedade de Concurso Público para o provimento de cargos na Administração Pública, prevendo a possibilidade de contratação temporária para suprir necessidade temporária de excepcional interesse publico, o que não ocorria em relação a contratação precária do Campus. Os docentes não eram contratados por meio de seleção simplificada pública;

b) A contratação da forma como vinha ocorrendo não estabelecia nenhuma relação trabalhista, configurando-se num passivo futuro para a instituição e na não aprovação das contas da atual gestão.;

c)  A situação tornou-se  insustentável quando o número de docentes convidados chegou a ser quase a metade dos docentes efetivos, revelando-se também na maior despesa da Unidade, cerca de R$ 800.000,00 de um orçamento de 1.300.000,00.

Diante do exposto, comunicamos que iniciamos as nossas atividades do primeiro semestre de 2015 sem 48 (quarenta e oito) docentes, o que já está acarretando prejuízos incomensuráveis para os alunos que irão ingressar na Universidade, os que já estão cursando e àqueles alunos que estão em face de concluir seus estudos em 2015.1.

Informamos, ainda, que no dia 05 de Janeiro de 2015 enviamos ao Reitor da Universidade de Pernambuco, memorando datado como recebido no dia 07, as informações a cerca da não contratação e da solicitação de providências imediatas na resolução do problema. Até o presente momento não recebemos oficialmente o que está sendo feito para solucionar a presente questão. 

Moisés Diniz de Almeida/Diretor da UPE/Campus Petrolina

Confiram as vagas de emprego disponíveis hoje na Agência do Trabalho de Petrolina

agência do trabalho Petrolina/Foto reproduçãoA Agência do Trabalho de Petrolina divulgou as vagas de emprego disponíveis para esta quarta-feira (25) na cidade. São mais de 20 oportunidades para os cargos de cozinheiro de restaurante, mecânico eletricista de automóveis, promotor de vendas, entre outras.

Os cargos são para pessoas nos níveis fundamental, médio e superior. A lista completa pode ser conferida no link: Relação-das-vagas-25-de-Fevereiro-2015 (1)

Do ‘padrão LDP’ para o ‘padrão Fifa’

ibamar fernandesO tal ‘padrão Fifa’ de atendimento prometido por Julianeli Tolentino para o Hospital Universitário (HU) não passou batido durante a presença do reitor, ontem (24), na sessão especial da Câmara de Vereadores de Petrolina.

Quem lembrou a promessa foi o vereador Ibamar Fernandes (PRTB). Depois de solicitar a Julianeli algumas informações básicas acerca da unidade médica, o vereador soltou uma de suas ‘pérolas’.

Nós torcemos para que o Traumas (HU) saia do padrão LDP, Liga Desportiva Petrolinense, e entre no padrão Fifa, a Federação Internacional de Futebol Association, como assim foi prometido”, cobrou.

TCM-BA nega provimento a recurso e mantém multa a ex-prefeito de Remanso

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-BA) negou provimento ao pedido de reconsideração formulado pelo ex-prefeito de Remanso, no norte da Bahia, José Clementino de Carvalho Filho, mantendo a multa imposta de R$ 5 mil por irregularidades em despesas realizadas no exercício de 2012, no valor total de R$ 89.121,88. A decisão foi do conselheiro Fernando Vita, na tarde desta terça-feira (24).

Além da multa, o gestor terá de distribuir gratuitamente cestas básicas, fogões, medicamentos e óculos à população carente do município.

Carvalho Filho não conseguiu apontar a existência de engano ou omissão no pronunciamento do TCM-BA – únicas hipóteses para que o pedido seja admitido. Por solicitação do Ministério Público de Contas, será formulada representação ao Ministério Público Eleitoral contra o gestor.

Ronaldo Silva comemora chegada do call center e desabafa: “Apesar de muita gente torcendo contra”

ronaldo silva_640x480Antes da sessão especial de ontem (24) na Casa Plínio Amorim com o reitor da Univasf, Julianeli Tolentino, o vereador Ronaldo Silva (PSDB) não escondeu a satisfação em comentar sobre a inauguração do serviço de call center, que acontecerá em Petrolina nesta quinta-feira (26).

Principal defensor pela vinda da empresa de call center, que deve gerar 2 mil empregos no município, Ronaldo estava tão exultante que acabou desabafando rapidamente. “O call center finalmente finalmente será implantado em nossa cidade, apesar de muita gente que torceu contra”.

Comitê de Prevenção a Acidentes de Motos em PE reúne-se em Petrolina e anuncia mapeamento de pontos críticos

DRo JOÃO VEIGA

ENCONTRO NA 8 º GERESIntegrantes do Comitê Estadual de Prevenção a Acidentes de Moto reuniram-se ontem  (24)em Petrolina para discutir novas estratégias de reduzir os números em Pernambuco.

O encontro, que aconteceu no auditório da 8ª Gerência Regional de Saúde (8ªGeres) e contou com a presença do secretário estadual do Comitê, João Veiga (foto), destacou a importância das parcerias.

Segundo Veiga, só em 2014 a Secretaria de Saúde do estado gastou cerca de R$ 1 milhão em tratamento às pessoas acidentadas.“O setor de saúde gastou no ano passado quase R$ 1 bilhão só com acidentes de moto. Então nós começamos a discutir aqui em Petrolina e vamos mostrar ações que o governo do Estado vai fazer, em parceria com as prefeituras”, disse.

Outro dado preocupante apresentado pelo secretário foi o número de mortes em 2014. Segundo ele, só em Pernambuco foram registradas mais de 900 mortes. Ainda de acordo com Veiga, diante do aumento no número de casos, o governo estabeleceu uma meta de reduzir em 6,5% ao ano o número de acidentes envolvendo motocicletas.

Mapeamento

Para tentar reduzir os casos em Petrolina, ele explicou que o Comitê irá mapear os 20 pontos  da cidade onde mais acontecem acidentes envolvendo motociclistas. Após o mapeamento, os responsáveis pelas possíveis causas – estado ou município – deverão ser acionados para buscar uma solução para os problemas.

Vamos fiscalizar. Vamos mapear em quais pontos de Petrolina acontecem mais este tipo de acidente e identificar as causas e os responsáveis. Se é falta de sinalização, buraco na pista,  curva mau sinalizada, vamos saber se é governo, estado ou município, e a partir daí  chamaremos os responsáveis para fazer a sua ação e sanar o problema”, finalizou. (Com a colaboração de Marco Aurélio/para o Blog)

Perderam a chance

sessão HU casa plinio amorim_640x360Diariamente as denúncias de mau atendimento no Hospital Universitário (HU) ‘inundam’ as rádios de Petrolina. Mas quando as oportunidades surgem de participar do debate com quem de direito – o reitor da Univasf Julianeli Tolentino, que atualmente responde pela gestão do HU – ninguém comparece.

Foi o que se viu na noite de ontem (24), na Casa Plínio Amorim, durante sessão especial com Julianeli, proposta pela vereadora Cristina Costa.

Poucas pessoas compareceram à Câmara de Vereadores para ouvir o que o reitor tinha a dizer, quando o plenário deveria estar lotado. Houve até rumores de que uma manifestação poderia acontecer, o que acabou não se confirmando. Em outras ocasiões o plenário estaria cheio, com cartazes e faixas de protesto por todo lado. Mas dessa vez, nada disso aconteceu.

Ou seja: quem tinha a reclamar sobre o HU, perdeu uma ótima chance de dizer isso olhando para o reitor.

Pernambuco é vice-líder em mortes por choque elétrico no Nordeste

PosteCom 51 casos contabilizados em 2014, Pernambuco é o segundo estado do Nordeste com maior número de mortes por choque elétrico. O estudo foi divulgado nesta terça-feira (24) pela Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel). Em vias públicas, pelo menos 12 pessoas vieram a óbito, entre elas o menino Ênio Marcondes Ferreira de Brito, 11 anos, que pisou num fio solto de baixa tensão em Pau Amarelo, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR).

Pernambuco só perdeu para a Bahia, que registrou 68 mortes por choque elétrico no ano passado. Para a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), as principais causadas desses acidentes estão relacionadas às intervenções indevidas na rede de elétrica, como ligações clandestinas e avanço de construções civis irregulares sobre a fiação.

No Brasil, segundo a Abracopel, foram contabilizadas 627 mortes por choque elétrico em 2014. Um aumento de 6% em relação a 2013, quando o país registrou 592 óbitos. Estatisticamente, 8,13% dos casos no ano passado aconteceram em Pernambuco. (fonte: Diário de PE)

Juazeirense Bruno Reis deixa ALBA para assumir cargo no primeiro escalão da Prefeitura de Salvador

bruno reis e henzem gusmãoO deputado juazeirense Bruno Reis (PMDB) anunciou nesta terça-feira (24) que vai deixar a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) para assumir a Secretaria de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza da Prefeitura de Salvador.

Após discursar na AL-BA, onde agradeceu pelos quatro anos já trabalhados na Casa, Bruno Reis usou as redes sociais para agradecer a confiança de seus eleitores.

Meus amigos e amigas: por amor a Salvador, aceitei o convite do prefeito ACM Neto para assumir uma secretaria no município. Deixo, temporariamente, a Assembleia para trabalhar pela cidade que me acolheu aos cinco anos, a cidade onde tive todas as oportunidades da vida e onde nasceram meus filhos. Agradeço a todos os prefeitos, ex-prefeitos, lideranças políticas e, principalmente, ao povo, que me colocou como o sexto deputado mais bem votado em nosso Estado. Desejo toda a sorte do mundo a meus colegas deputados… estarei sempre presente, ao lado de vocês…”, escreveu Bruno.

Com a saída do parlamentar, assume a vaga Herzem Gusmão (PMDB/foto), que era o primeiro suplente da coligação. (foto/divulgação)

Sem comissões, sem projeto

Prefeitura2Embora tenham recebido a boa notícia do reajuste salarial confirmado pelo prefeito Julio Lossio, os servidores municipais de Petrolina ainda podem amargar uma espera que não contavam.

A questão é que o projeto de lei referente ao reajuste, de autoria do Executivo Municipal, precisa ainda ser votado e aprovado na Casa Plínio Amorim. Mas para isso precisa passar pelas comissões, as quais ainda não foram formadas.

O vereador Betão (PSL) atribuiu o problema aos vereadores da bancada governista, que por não reconhecerem a legitimidade da atual Mesa Diretora (cuja eleição, em setembro do ano passado, está sub judice), estariam “criando obstáculos” para formar as comissões. Mostrando-se preocupado, Betão admite que o projeto do reajuste dos servidores pode levar tempo ainda para ser analisado.

Na Casa Plínio Amorim, reitor afirma que repasse mensal para HU “é insuficiente” e pede parcerias com municípios para melhorar atendimentos

julianeli na casa plinio amorim_640x360Depois das insistentes cobranças para que comparecesse à Casa Plínio Amorim e abrisse a ‘caixa-preta’ do Hospital Universitário (HU) – constante alvo de críticas da população –, o reitor da Univasf, Julianeli Tolentino, finalmente atendeu ao pedido dos vereadores. Numa sessão proposta por Cristina Costa (PT), Julianeli não só deu o ar da graça na Casa, na noite dessa terça-feira (24), pela segunda vez, como respondeu pacientemente a todos os questionamentos dos representantes do Legislativo Municipal, que ontem não foram tão contundentes assim nas críticas.

Ressaltando que os vereadores “acertaram” em aprovar o projeto de lei que transferiu a gestão do antigo Hospital de Traumas (atual HU) para a Univasf, Julianeli lembrou que as demandas atuais na unidade médica “são muito maiores” do que as de anos atrás.

O reitor informou que o HU atende, por meio da rede integrada de saúde pública entre Pernambuco e Bahia (conhecida como PEBA), pacientes de 53 municípios da região e de outros estados como Piauí, Ceará e até de Sergipe e Alagoas. Lembrou que o hospital é referência em Urgência, Neurologia, Ortopedia e Traumas, o que colabora no aumento da demanda.

Em contrapartida, Julianeli lembrou que o repasse orçamentário municipal bipartite “é insuficiente” para dar conta dos atendimentos, bem como os recursos repassados pelo governo federal, através dos Ministérios da Educação e da Saúde – atualmente em R$ 3,8 milhões mensais.

Na sessão especial, o reitor revelou ainda que os municípios que compõem a Região Integrada de Desenvolvimento (Ride) no Vale do São Francisco são os maiores demandantes desses atendimentos. Por isso mesmo apelou para que os prefeitos da Ride, no lado pernambucano e baiano, unam forças pela repactuação dos recursos que chegam para o HU. Julianeli reforçou, inclusive, que esse assunto deverá ser, inclusive, o foco da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), que já administra parcialmente, desde o início do mês, a gestão do hospital e a partir de julho deste ano assumirá a gestão plena do mesmo.

“O financiamento compartilhado desses municípios será o principal foco da EBSERH. Isso vai, com certeza absoluta, resultar num aumento da qualidade e oferta de novos serviços (no HU)”, destacou o reitor.

Esforços

Julianeli deixou claro, no entanto, que os esforços em busca da melhoria no atendimento do HU já estão sendo feitos pela Univasf há mais de um ano, concentrando-se sobretudo em Petrolina, onde a unidade está localizada. Nesse contexto ele lembrou o aumento de leitos e a fixação na cidade de profissionais egressos de cursos de Medicina e residências médicas.

Sobre a EBSERH, o reitor justificou que a empresa “era a principal alternativa” de gestão para o HU. Ele assegurou que após a convocação dos profissionais aprovados em concurso público realizado pela estatal, a meta é de atingir 757 novos servidores (159 a mais do que o quadro atual). Somente em janeiro e fevereiro, segundo Julianeli, 200 deles já foram convocados. O reitor reconheceu, no entanto, que mesmo com os esforços do superintendente do HU, Ricardo Pernambuco – também presente à sessão de ontem – em garantir 60 cirurgias ortopédicas em 15 dias, o subfinanciamento e a falta de profissionais ainda atrapalham. Mas adiantou que a EBSERH já autorizou a contratação de 18 ortopedistas para completar a escala de plantão, a partir de março. Em relação às críticas dos vereadores, ele disse “acompanhar atentamente” os programas de rádio locais e garantiu estar “de portas abertas” para receber a todos em seu gabinete – o que, aliás, já vem fazendo.

Jovem é preso com quase 200 porções de maconha em Senhor do Bonfim

maconha bonfimUm rapaz de 18 anos foi preso no final da tarde desta terça-feira (24) em Senhor do Bonfim, no Norte da Bahia, sob acusação de tráfico de drogas.

De acordo com informações do 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), Emerson Jesus de Lima estava com 176 porções de maconha, uma sacola plástica com 100 gramas da mesma droga, uma balança de precisão e a quantia de R$ 29,00.

Diante das circunstâncias, o acusado, juntamente com o material apreendido, foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante. (foto/divulgação)