Wenderson ‘Pé de Galo’ lamenta enfraquecimento político de Petrolina e deixa reflexão

por Antonio Carlos Miranda // 05 de outubro de 2022 às 09:49

Foto: Nilzete Brito/Ascom CMP

Integrante da bancada governista na Câmara de Petrolina, o vereador Wenderson Batista (UB) – o ‘Pé de Galo’ – lamentou o enfraquecimento político de Petrolina após o resultado das eleições de domingo (2). Em discurso feito ontem (4) na sessão plenária da Casa Plínio Amorim, ele citou principalmente a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Pé de Galo lembrou que o município de Floresta, no Sertão de Itaparica, que tem população bem inferior a Petrolina, conseguiu eleger três deputados estaduais, enquanto a Capital do São Francisco terá apenas Antonio Coelho (UB), reeleito para a próxima legislatura.

Lembrando que Petrolina já chegou a ter três representantes na Câmara Federal e outros três na Alepe, o governista frisou que o recado deixado pelos eleitorado petrolinense é digno de uma reflexão profunda, a ser feita sobretudo pelos candidatos. “Enquanto não aprenderem que voto a gente conquista trabalhando, falando do que fez e do que pode fazer, essa política de estar criticando e falando dos outros não vai levar a lugar nenhum”, desabafou.

Wenderson ‘Pé de Galo’ lamenta enfraquecimento político de Petrolina e deixa reflexão

  1. Pé no Saco disse:

    Entrou foi muito ainda.

  2. Verdadeiro disse:

    Vc será o próximo a vazar daí, vui pé “azedo” de galo.

  3. Joelson Ribeiro de Souza disse:

    O que fez, à diferença foi porquê Antônio foco na campanha outros candidatos nem tanto foi só para ganhar dinheiro dos partidos se quiser vencer tinha feito iguais, outros candidatos eleitos, tinha saído um pouco de Petrolina ter indo pra outros lugares.
    As campanhas desses candidatos derrotados principalmente da oposição foi quere ganhar votos nas redes sociais blz. Júlio teve uma votação muito boa mais não foi suficiente para chegar na alepe. Como Odacy é Gabriel etc. Agora como fica esses candidatos da oposição que sonha tanto em tirá os coelhos de Petrolina único ai, que eu aposto só em lucas ramos restantes só apenas conversar fiada..

  4. Antonio Marreco disse:

    Enquanto Petrolina for dominada pelas seitas, vão continuar votando em crentes preguiçosos.

  5. A verdade disse:

    A politica de Petrolina ficou mais franca quando elegeu um monte de vereador querendo aumentar cota de combustível.

  6. otavio disse:

    O problema é que os eleitores de Petrolina estão pensando diferente dos seus verdadeiros líderes, estão votando em candidatos de fora, então dá nisso aí. Petrolina é por tradição conservadora, mas infelizmente os seus eleitores estão caindo na conversa fiada de políticos encantadores de serpente. Nos primeiros governos do lula, Petrolina não acrescentou um só hectare de terra irrigável, ou melhor, o Projeto Pontal teve as suas obras paradas completamente. No primeiro governo Dilma o Projeto foi vendido para uma empresa de São Paulo que depois devolveu para o Governo. Nessa venda do Pontal, o governo deu um calote em todos aqueles que venderam as suas terras para o Projeto, ou melhor, esses que venderam as suas terras passaram a ser SEM TERRAS, isso é Reforma Agrária? o acordo era que quem vendesse as suas terras para o Projeto, teria acesso a um lote, isto é, compraria um lote de pequeno irrigante sem passar por qualquer processo de licitação, o que aconteceu? o governo do PT ignorou esse acordo e vendeu o Projeto para uma Empresa de São Paulo e os nossos políticos simplesmente concordaram, ou ficaram omissos ou participaram do calote, principalmente o governo de Pernambuco da época. Petrolina que crescia diferentemente do Estado, agora começa a decrescer, o barco começa a afundar. Mas ainda tem tempo, vamos abrir os olhos, até agora não tem um só hectares a mais de Projetos Públicos.

  7. PENSADOR disse:

    O problema é que os eleitores de Petrolina estão pensando diferente dos seus verdadeiros líderes, estão votando em candidatos de fora, então dá nisso aí. Petrolina é por tradição conservadora, mas infelizmente os seus eleitores estão caindo na conversa fiada de políticos encantadores de serpente. Nos primeiros governos do lula, Petrolina não acrescentou um só hectare de terra irrigável, ou melhor, o Projeto Pontal teve as suas obras paradas completamente. No primeiro governo Dilma o Projeto foi vendido para uma empresa de São Paulo que depois devolveu para o Governo. Nessa venda do Pontal, o governo deu um calote em todos aqueles que venderam as suas terras para o Projeto, ou melhor, esses que venderam as suas terras passaram a ser SEM TERRAS, isso é Reforma Agrária? o acordo era que quem vendesse as suas terras para o Projeto, teria acesso a um lote, isto é, compraria um lote de pequeno irrigante sem passar por qualquer processo de licitação, o que aconteceu? o governo do PT ignorou esse acordo e vendeu o Projeto para uma Empresa de São Paulo e os nossos políticos simplesmente concordaram, ou ficaram omissos ou participaram do calote, principalmente o governo de Pernambuco da época. Petrolina que crescia diferentemente do Estado, agora começa a decrescer, o barco começa a afundar. Mas ainda tem tempo, vamos abrir os olhos, até agora não tem um só hectares a mais de Projetos Públicos. Podemos mudar essa realidade.

  8. Paulo disse:

    Por ser marreco não precisa dizer mais nada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.