Vereadores e diretoria do HDM/Imip reúnem-se sobre caso de adolescente morta

por Carlos Britto // 18 de agosto de 2022 às 07:39

Foto: Nilzete Brito/Ascom CMP

Vereadores da Câmara Municipal de Petrolina e a diretoria do Hospital Dom Malan/Imip reuniram-se na manhã de ontem (17) para tratar sobre o caso da adolescente Maria Eduarda Delmondes, de 13 anos, que faleceu enquanto aguardava por uma vaga de UTI na semana passada. Participaram do encontro o presidente da Comissão de Saúde, vereador César Durando, além de Marquinhos Amorim, Capitão Alencar e Samara da Visão. O grupo foi recebido pelas diretoras médica e de enfermagem, respectivamente Tatiana Cerqueira e Fátima Michele Leal.

Durante a reunião, os vereadores apresentaram seus questionamentos sobre o assunto. A diretoria informou que uma sindicância foi aberta para apurar o caso. “Maria Eduarda chegou com muitas comorbidades. A gente abriu uma sindicância para analisar o prontuário, ainda estamos entendendo o que aconteceu, por isso ainda não posso dar todas as informações”, declarou Tatiana Cerqueira.

De acordo com as diretoras, a equipe de apuração é composta por três profissionais especialistas, sendo dois médicos e um enfermeiro que não atuaram no caso, procedimento padrão para manter a imparcialidade da análise. Os profissionais irão estudar o ocorrido e apresentar um relatório final dentro de quinze dias.

Elas informaram ainda que o HDM/Imip conta atualmente com 10 leitos de UTI infantil, sendo seis de neonatal e quatro pediátricos, além de 18 leitos de alto risco que atendem Petrolina e mais 53 municípios. Sobre a possibilidade de transferência de pacientes, Tatiana informou que esta é uma função da Central de Regulação Interestadual de Médicos, que cuida de todos os trâmites para que o paciente seja recebido em outra unidade médica.

Sobre as queixas de falta de medicamento, Tatiana disse desconhecer a ocorrência do problema na unidade e que a equipe não mede esforços para conseguir a medicação necessária. A Comissão de Saúde irá elaborar um relatório com as informações da reunião.

Protesto

Maria Dulce Delmondes, mãe de Maria Eduarda, compareceu ao plenário da Câmara de Petrolina na última quinta-feira (11), pedindo para ser ouvida pela Casa. Ao final da sessão, a mãe e outros familiares que a acompanhavam foram recebidos no gabinete do presidente da Câmara Municipal, vereador Aero Cruz, bem como por representantes da Comissão de Saúde, além de vereadores da bancada de situação e de oposição. Após ouvir Maria Dulce, os vereadores se comprometeram, em nome da Casa, em solicitar o encontro com a diretoria do hospital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.