Vereador questiona enriquecimento do prefeito de Senhor do Bonfim

por Carlos Britto // 25 de maio de 2009 às 07:15

O vereador Laércio Muniz fez uma séria denúncia contra o prefeito de Senhor do Bonfim (BA) Paulo Machado.

Da tribuna da Câmara, Laércio disse que o prefeito declarou um patrimônio de 14 mil reais nas eleições de 2008,mas agora, após quatro meses de governo, correm rumores na cidade de que Paulo Machado teria adquirido um patrimônio de mais de duzentos e cinqüenta mil reais.

Laércio disse que o prefeito atual não apresentou nenhuma obra até o momento sobre alegação que não tem dinheiro, mas gasta “fortunas com o São João”.

Informações do site Bonfim Notícias 

Vereador questiona enriquecimento do prefeito de Senhor do Bonfim

  1. Maria Rita disse:

    Essa denúncia chega em bom momento, pois a contratação de grandes artistas para festas juninas oculta um prática corriqueira nas prefeituras. A contratação milionária de bandas em detrimento a uma organização mais barata e mais popular.

    Isso acontece por causa dos agenciadores que contratam as grandes bandas. É uma forma de ganhar uma pomposa comissão em cima do povo. Registrado legamente nas contas da Prefeitura, e que são aprovadas, pelos TCM. Limpinhos, mas são imorais.

    Contratar bandas de São João a 100, 200 até 300 mil reais é imoral aos cofres públicos e ao Municipio. Mas para os contratadores das prefeituras, é um bom meio de ganhar muito dinheiro.

  2. edmar disse:

    Pewrcebe-se claramente que este vereador, deve estar pensando em apoio politico para suas viagens ideologicas.
    N’ao acredito que o professor Paulo Machado seja capaz de apossar-se de qualquer quantia relativa ao erario publico.
    Portanto n’ao creiam ser verdadeiras essas declarcoes desse desaviasado edil.
    O que pode ter acontecido [e o prefeito ter siudo procurado para atender a pedidos do vereador e sendo injustos n’ao foram realidados.
    dai a inveja e c\a calunia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *