União Brasileira de Municípios quer criar Zona Franca do Semi-Árido

por Carlos Britto // 13 de janeiro de 2009 às 12:23

Para enfrentar a seca, que ao longo dos anos castiga o semi-árido nordestino, e a redução dos postos de trabalho devido à crise financeira mundial, a União Brasileira de Municípios (Ubam) está propondo a criação da Zona Franca do Semi-Árido do Nordeste. A idéia, que será apresentada ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva no dia 10 de fevereiro, durante reunião com prefeitos de todo o país, é criar pólos em oito estados nordestinos que ofereçam incentivos ficais e facilidades para a instalação de indústrias na região. Segundo o presidente da Ubam, Leonardo Santana, a Zona Franca do Semi-Árido Nordestino vai estimular a interiorização dos investimentos e, com isso, ajudar na melhoria da qualidade de vida dos municípios que compõem o chamado polígono da seca. “Essa região, que sofre com a seca devido à falta de chuvas, não recebe muitos investimentos, não tem empregos e possui uma renda per capita muito baixa”, afirmou.

União Brasileira de Municípios quer criar Zona Franca do Semi-Árido

  1. Parabenizo o presidente da União Brasileira dos Municípios, Sr. Leonardo, por essa iniciativa em prol dos nordestinos, esquecidos ao longo do tempo.

    Espero que os tratores e os trabalhadores comecem logo essas obras que vão salvar o Nordeste.

    MARAVILHA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *