Último levantamento de 2022 diminui perigo do Aedes em Petrolina

por Carlos Britto // 16 de novembro de 2022 às 13:31

Foto: Ascom PMP/SMS divulgação

O 6º Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) em Petrolina, realizado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) – último de 2022 – trouxe boas notícias. De acordo com as análises, a Capital do São Francisco está com o nível de infestação do mosquito em 0,3%. Isso significa que Petrolina apresenta baixo risco para surto de doenças transmitidas pelo mosquito, a exemplo da dengue, de acordo com as diretrizes do Ministério da Saúde.

Foram vistoriados estabelecimentos residenciais e comerciais em diversos bairros da cidade. As localidades com maiores taxas de infestação foram João de Deus, Loteamento Bela Vista, Loteamento Nova Vida, Quati, Loteamento Vale dos Coqueiros e Residencial Jardim São Paulo, com índice de 1,7%. Já Vila Marcela, Topázio, Loteamento Recife, Vila das Esmeraldas, Loteamento Nova York, Vila Eduardo, Loteamento São Francisco e Residenciais Monsenhor Bernardino e Vivendas apresentaram índice de 0,9%.

A pasta ressalta que o período de chuvas intermitentes e de altas temperaturas ainda permanecerá, o que se torna um ambiente favorável à proliferação do mosquito. A orientação da SMS é de que a população separe 15 minutos do dia para fazer uma varredura em casa e acabar com os recipientes com água parada, tampar tonéis, caixas d’água e lixeiras; manter as calhas sempre limpas; preencher os pratos de vasos de plantas com areia; limpar com escova, ou bucha, os potes de água para animais; e retirar a água acumulada na área de serviço. Essas são algumas medidas eficazes a serem adotadas para evitar essas doenças.

Último levantamento de 2022 diminui perigo do Aedes em Petrolina

  1. José Pedro Quirino disse:

    É bom que não se esqueçam os povoados , em especial o Povoado de Pau Ferro, em que a infestação do mosquito e pessoas contaminadas com a chicungunha, foi muito alta.

  2. Eu quero saber quando vai chamar todos os aprovados no concurso pra agente de endemias e já tem 4 anos e só convocaram 45 aprovados e foi em 2019 e depois não convocaram mais ninguém e na minha opinião deveriam chamar todos aprovados no concurso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.