TSE apresenta projeto-piloto de teste com biometria na urna eletrônica

por Carlos Britto // 17 de setembro de 2022 às 11:00

Foto: Alejandro Zambrana/Secom TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou à imprensa o projeto-piloto do teste de integridade das urnas eletrônicas com uso de biometria, que será realizado nas seções eleitorais. O órgão judiciário mostrou como o teste vai funcionar na prática no dia da eleição.

O teste de integridade já é feito há 20 anos e, pela primeira vez, vai contar com a participação de eleitores voluntários. Após votarem, eleitores serão convidados aleatoriamente por servidores da Justiça Eleitoral para participar do projeto, que será feito próximo à seção eleitoral.

No teste de integridade, o eleitor irá se identificar e usar a biometria para abrir o sistema da urna. O presidente do TSE, Alexandre de Moraes, anunciou que, nas eleições deste ano, isso será feito em 56 locais de votação, em 18 Estados e no Distrito Federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.