TRE-PE começará preparação de urnas eletrônicas para Eleições 2022

por Carlos Britto // 19 de setembro de 2022 às 18:15

Foto: TRE-PE/reprodução

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) dará início na quarta-feira (21) ao processo de preparação das urnas eletrônicas que serão utilizadas nas Eleições 2022. O presidente do TRE-PE, desembargador André Guimarães, juntamente com o vice-presidente, Humberto Vasconcelos, o diretor-geral Orson Lemos e demais membros da corte e gestores do tribunal irão acompanhar o início da preparação, na Seção de Gestão de Eleições Informatizadas, no bairro do Bongi, no Recife.

A preparação das urnas é realizada simultaneamente em todo o país, seguindo o calendário determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O procedimento envolve carga e lacração das urnas, que consiste em alimentar os equipamentos com as informações sobre candidatos e eleitores de cada seção eleitoral. Em Pernambuco serão preparadas 24.105 urnas eletrônicas, das quais 1.690 são urnas de contingência, utilizadas apenas em um caso de necessidade de substituição. Conforme cronograma, o procedimento terá início no dia 21, na 4ª, 10ª e 138ª Zonas Eleitorais, localizadas na capital.

São 557 técnicos de urnas no Estado, responsáveis por testar os equipamentos e inserir informações dos candidatos a deputado federal, deputado estadual, senador, governador e presidente, além de informações dos eleitores de cada seção eleitoral.

A equipe do tribunal estará encarregada de garantir a segurança e transparência das urnas eletrônicas, assim como ajudar no procedimento geral. O procedimento é aberto ao público e acompanhado por Juízes Eleitorais, Promotores de Justiça, integrantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), além de representantes de partidos, coligações, federações e candidatos. As informações são do TRE-PE.

TRE-PE começará preparação de urnas eletrônicas para Eleições 2022

  1. otavio disse:

    É uma Operação de Guerra. Não temos dúvidas de que os Entes envolvidos nessa fase do processo, cumprirão o trabalho com a retidão que o caso requer. Tal procedimento também deveria ser feito na contagem final dos votos no TSE em Brasília, inclusive com a participação das Forças Armadas e Polícia Federal. Nos parece visível que o SISTEMA quer expurgar a qualquer custo o Presidente que aí está, Presidente este que não faz parte do SISTEMA, basta ver que ele nomeou todo o seu Ministério independentemente de Partido Político ou Mega Empresários. Claro que teve como qualquer outro teve, que negociar com o Congresso, principalmente o famigerado CENTRÃO. Continuando o Presidente que aí está, a tendência é se extinguir CENTRÕES, Emendas de Relatores, Emendas Parlamentares, vários privilégios como Apartamento Funcional, carros, planos de saúde ilimitados, dentre outros com o dinheiro público. Claro que esses problemas não são resolvidos de um dia para noite, mas confiamos nesse Presidente que aí está.

  2. Bosco disse:

    MEU JESUS QUE TANTA IDIOTICE QUERER VOLTAR O VOTO EM PAPEL . ISSO SO P ROUBAR E NADA MAIS. GENTE BESTA NUNCA ACABA E NEM FICA POUCO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.