Transposição: Lula quer entregar parte da obra em 2010

por Carlos Britto // 04 de janeiro de 2009 às 19:54

O governo diz que concluirá o eixo leste da transposição do São Francisco em outubro de 2010, no fim do mandato de Lula. Pelo cronograma, também será terminada parte do eixo norte, além de 18 barragens, nove aquedutos, três túneis e nove estações de bombeamento, que farão a água chegar às regiões mais altas.
A intenção é tornar a obra, de R$ 5 bilhões, um projeto irreversível para o próximo governo, que, até outubro de 2012, concluiria mais 356 km do eixo norte, nove barragens, quatro aquedutos e dois túneis.
Andamento das obras
Criticada por políticos, índios, religiosos e artistas, a transposição -que já gerou atos polêmicos, como as duas greves de fome do bispo de Barra (BA), dom Luiz Flávio Cappio, e a paralisação das obras, derrubada pelo Supremo Tribunal Federal- tem ocorrido tranquilamente nos últimos meses.
O Exército constrói sem maiores obstáculos os canais de aproximação, para captar água nas margens do São Francisco, e os primeiros reservatórios em Cabrobó e Floresta.

Fonte: Folha de São Paulo

Transposição: Lula quer entregar parte da obra em 2010

  1. marcos antonio brasil disse:

    Carlos,
    Gostaria de parabenizá-lo pelo blog. Excelente iniciativa brindando o público leitor da região ávido por notícias, veiculadas pela nova e moderna modalidade de comunicação, por meio de jornalismo sério, como voce tem demonstrado que faz.
    Notamos entretanto que as notícias escritas com sua assinatura, necessitam de uma urgente revisão, pois muitos são os erros de grafia, que sabemos, são motivados pela correria.

    marcos antonio brasil

  2. marcos antonio brasil disse:

    Entretanto , gostaria de alertá-lo, para um fato que acho voce já tem conhecimento. Muitas das notícias que voce posta, já foram veiculadas em outros blogs ou jornais, que o internauta já teve acesso. Sendo assim, acho que voce poderia focar a sua atuação para fatos regionais, priorizando a região do sertão do São Francisco e do Araripe, não esquecendo de Juazeiro e região baiana, com a qual temos estreita ligação. Sem dúvida serão notícias mais apreciadas pois que dificilmente outros veículos de comunicação teriam registrado. Marcos Antonio Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.