Tráfego de veículos no Bairro Santo Antônio sofre mudança temporária

por Carlos Britto // 08 de novembro de 2022 às 20:11

Foto: Google Street View/reprodução

O tráfego de veículos no bairro Santo Antônio, área central de Juazeiro (BA), passará por uma mudança temporária a partir desta quarta-feira (9), por conta da obra de drenagem na Rua Toufic Khoury, uma reivindicação antiga da comunidade. De acordo com a Companhia de Segurança, Trânsito e Transporte (CSTT) da prefeitura, a previsão é que essa medida dure dez dias, a contar de amanhã.

O trecho da Rua do Paraíso, a partir da esquina da Estação de Tratamento de Água (ETA) do SAAE (após o Ministério Público) será interditado nos dois sentidos. A alternativa para os motoristas que vierem pelas ruas do Paraíso e José Petitinga é seguir pela Rua Minas Gerais.

Já quem vai do Country Club pela Avenida ACM e precisa acessar a Rua do Paraíso, não poderá fazer a conversão pela Rua Alan Kardec. Por isso será necessário seguir pela avenida ACM e Rua Princesa Isabel. A exceção são os moradores da área, ambulâncias e pacientes que vão acessar o Hospital da Unimed, além de estudantes da Univasf e da Unibras. A gestão municipal reforçando que não existe a possibilidade de sair pela Rua do Paraíso.

Para quem está no Centro de Juazeiro e deseja se deslocar com mais rapidez aos bairros da região do Country Club, a alternativa é seguir pela Avenida Raul Alves e pegar as ruas Tiradentes ou Princesa Isabel. “São mudanças necessárias para conseguirmos dar fluidez no trânsito no período em que a Secretaria de Obras estiver executando o trabalho para colocar as manilhas no trecho da Rua do Paraíso. Essas mudanças também vão garantir a segurança dos trabalhadores da obra e dos motoristas, por isso é importante manter a atenção“, disse o engenheiro de Tráfego da CSTT, Rodrigo Carvalho, acrescentando que agentes de trânsito estarão dando suporte no local e orientando motoristas.

A obra

A obra de drenagem na Rua Toufic Khoury está a todo vapor. O objetivo é garantir segurança contra alagamentos em períodos de chuvas. A Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (Sedur) iniciou as intervenções pela margem do Rio São Francisco, local onde as águas das chuvas serão escoadas. A obra é realizada com recursos próprios, através de investimentos de aproximadamente R$ 2 milhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.