Teresa Leitão diz que apoio a Marília Arraes em 2020 foi apenas consequência de deliberações do PT

por Carlos Britto // 20 de maio de 2022 às 07:42

Foto: arquivo reprodução

A pré-candidata ao Senado pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Teresa Leitão, explicou como foi definido seu nome para o Senado na chapa da Frente Popular. Ela chegou a se dizer emocionada com a possibilidade de ser a primeira senadora da história de Pernambuco.

“Fizemos um processo de convencimento interno, junto à Frente [Popular], e houve a aceitação de um nome do PT”, disse a convidada. “A discussão interna nossa começou com 4 nomes, depois ficaram 3, afunilou para 2 e, depois, com muita alegria e responsabilidade, diante de um grande desafio, meu nome foi aprovado por unanimidade na instância máxima de decisão do PT para o tema, que foi o encontro de tática eleitoral, ocorrido domingo passado”, afirmou.

A deputada estadual reforçou que a experiência política que adquiriu na função que hoje desempenha, levantando bandeiras como a da educação, será um diferencial para o mandato no Senado que pleiteia.

“As vivências que eu tenho na Assembleia Legislativa me credenciam para ser uma senadora que não vou votar contra os trabalhadores, que não vou votar em reforma de previdência. Pelo contrário, vou estar atenta para votar no revogaço de Lula, contra aquilo que alguns aprovaram agora”, garantiu Teresa Leitão.

Sobre o apoio dado na eleição municipal do Recife em 2020 a Marília Arraes, pré-candidata ao Governo do Estado pelo Solidariedade, a convidada explicou que foi mera consequência de deliberações do PT, sigla que ela integra há 22 anos.

Teresa Leitão diz que apoio a Marília Arraes em 2020 foi apenas consequência de deliberações do PT

  1. Rogério disse:

    Só para lembrar a essa candidata, que em 1986, teve tambem a candidatura de Margarida Cantar ele. Só que não foi eleita

  2. Rogério disse:

    Margarida Cantarele

  3. Geovane disse:

    A famosa conveniência de momento, ela tentará se apoiar no ex-presidente Lula e buscará votos na Região Metropolitana, mas acredito que isso não vai colar…

  4. Renato Severino da soledade disse:

    Me estranha muito esse posicionamento de Teresa Leitão, Ela fingiu bem ser amiga de Marília. Agora o apoio a Marília foi uma mera deliberação kkķkkk. Você não vai ser eleita Teresa, vc agora tá jogando flores para o PSB.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.