Tentativa de sequestro de criança dentro de creche choca população de Belém do São Francisco (PE)

4

creche belém SF_640x480Um fato ocorrido esta semana em Belém do São Francisco (PE), no Sertão, gerou revolta e chocou a população da cidade. Uma criança de apenas três anos por pouco não foi vítima de um sequestro dentro da própria creche onde sua mãe costuma deixá-la.

Segundo informações, uma desconhecida procurou a Creche Recanto Infantil, dizendo estar autorizada pela mãe (cuja identidade é mantida sob sigilo) para levar a criança.

A administração da creche não desconfiou de nada e permitiu que os porteiros deixassem a desconhecida levar a vítima. A justificativa era de que a mãe da criança lhe pediu que a deixasse na casa da avó, localizada nas proximidades.

Acompanhada de outra comparsa, a mulher seguiu com a vítima para uma rodovia. Como a criança já tinha o costume de fazer aquele trajeto, também aceitou ir com as duas mulheres. No entanto, quando percebeu que não estava indo para a casa da avó, começou a correr aos gritos de “mamãe, mamãe!”.

Por sorte, a mãe ouviu os gritos da vítima e evitou o pior. As duas desconhecidas conseguiram fugir. Ouvida por funcionárias da creche, a mãe da criança negou que tivesse autorizado alguém a pegar o filho. O Conselho Tutelar de Belém e o Ministério Público já foram acionados sobre o caso. Existem suspeitas de que as acusadas sejam de Floresta (PE), no Sertão de Itaparica, onde a família da criança morou.

A Secretaria de Educação de Belém também foi informada para que aumente a segurança nos demais estabelecimentos de ensino na cidade. O Conselho Tutelar deixou um contato telefônico (87 9995-7405) para qualquer informação que possa levar às acusadas.

4 COMENTÁRIOS

  1. eu tenho filho que estuda,como é que agente pode confiar, as pessoas que trabalham em escolas precisam aprender so entregue os filhos aos pais pra que que eles pegam telefones quando faz a matriculas e em caso desse sai entregando as crianças a quaquer um que aparece.isso tem que mudar.

  2. Na creche que meu filho frequenta aqui em Campina-SP eles só entregam com a autorização da mãe e a pessoa ainda tem que deixar nome e RG, e ainda ligam para a mãe no momento da liberação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome