Sistema de esgotamento sanitário da Orla de Petrolina deve ser concluído até final de abril, diz Compesa

0
Foto: Ascom Compesa/divulgação

Quase R$ 20 mil. Esse é o investimento feito pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) na ampliação da Estação Elevatória de Esgoto Centro II, que atende o polo gastronômico da Orla de Petrolina, na área central. A unidade tem capacidade de bombeamento de dois litros por segundo e é responsável por receber os efluentes dos bares e restaurantes, encaminhando-os para a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE).

Segundo a Compesa, a obra vai contemplar a construção de dois Poços de Visita (PVs), instalação de uma unidade de tratamento preliminar, implantação de dispositivos eletrônicos e disposição de equipamentos otimizados para reduzir problemas operacionais.

O atual gerente regional da Companhia, Marcelo Guimarães, informou que, quando finalizada, a obra vai permitir maior eficiência na capacidade plena de operação da unidade de bombeamento. “Essas melhorias são de extrema importância para a garantia da segurança operacional e excelência na prestação dos nossos serviços de esgotamento sanitário. Além disso, vão assegurar o atendimento necessário ao crescimento econômico da cidade”, destacou. Iniciada no dia 5 de março deste ano, a obra deve estar totalmente concluída até o final do mês de abril.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome