Serrita: Câmara de Vereadores rejeita contas de ex-prefeito Carlos Cecílio referentes a 2014

0
Foto: Blog do Roberto/reprodução

Em Serrita (PE), Sertão Central, a Câmara de Vereadores rejeitou ontem (25) a prestação de contas do ex-prefeito do município, Carlos Cecílio, no exercício de 2014. A comissão, formada por Zezinho de Romão, Chico de Nil e Fábio Berlamino – respectivamente presidente, relator e membro – emitiu um parecer favorável ao ex-prefeito e contrário ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) mas, durante a votação, os vereadores votaram pela rejeição das contas.

No plenário, votaram a favor do ex-prefeito os vereadores Doda Sampaio, Isac Sampaio, Júnior de Tadeu, Fernando de Sampaio e Chico de Nil. Já os cinco vereadores que fazem parte da atual bancada de situação votaram a favor da recomendação do Tribunal e contra o ex-prefeito: Ronildo Oliveira, Saulo de Zé de Pedro, Zezinho de Romão, Júnior de Bal e Filemon Sampaio. O vereador Fábio Berlamino não participou.

Com a votação empatada, o presidente da Casa desempatou e pronunciou seu voto contra o parecer do Tribunal. Entretanto, mesmo com a votação favorável ao ex-prefeito Carlos Cecílio, as contas foram rejeitadas, pois eram necessários oito votos para aprovação. Além de emitir parecer desfavorável, o TCE-PE havia enviado uma  mensagem à Câmara orientando a reprovação.

Segundo o relatório do Tribunal, em 2014 – entre outros problemas – houve a realização de despesas significativamente superiores às receitas arrecadadas, o que gerou um déficit orçamentário no município de R$ 5.347.453,08. Os auditores entenderam que o ex-prefeito contribuiu para o déficit, uma vez que autorizou as despesas e superestimou as receitas, frustrando a arrecadação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

dois × um =