Série A1 do Pernambucano: Fera Sertaneja amarga derrota em casa no final do jogo e segue na lanterna

1
Foto: Caio Falcão/Náutico

As duas primeiras rodadas da Série A1 do Campeonato Pernambucano eram consideradas muito difíceis para o time do Petrolina. E as previsões se confirmaram: na estreia, a Fera Sertaneja foi goleada pelo Santa Cruz; neste domingo (26), voltou a perder – desta vez para o desfalcado Náutico, em partida realizada agora à tarde no Estádio Municipal Paulo de Souza Coelho.

Foram dois tempos bem distintos. Na etapa inicial, poucos lances de ataque de ambas as equipes empolgaram suas torcidas. Na etapa final, no entanto, as coisas foram um pouco diferentes.

O Náutico voltou disposto a levar para casa os três pontos e foi melhor. Mas quem assustou primeiro foi a Fera. Aos 6 minutos, Cícero Mateus aproveitou uma sobra da zaga Timbu e soltou um foguete que passou perto da meta do goleiro Marcão.

Aos 17 foi a vez do Náutico, com o atacante Jefferson Nem, que quase consegue desviar do goleiro Tigre, após cruzamento para a área do Petrolina. Aos 42, o lance mais emocionante para a torcida da Fera: o lateral Nem chutou forte da intermediária do Timbu. A bola pegou no travessão do goleiro Marcão, que já estava vendido no lance. O pecado veio aos 47 minutos. O atacante Paiva faz bela jogada e entrega com açúcar para o matador do Timbu, Erick, que só tira de Tigre, decretando a primeira vitória do Náutico na competição. O resultado deixou a equipe de Gilmar Dal Pozzo em terceiro lugar, com quatro pontos ganhos. Já a Fera segue na lanterna, em 10º, sem nenhum ponto.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome