Senador FBC vai à AGU para tentar agilizar renegociação de débitos de produtores rurais

4

Atento às dificuldades financeiras pelas quais passam agropecuaristas do Nordeste e de outras regiões do país, o senador Fernando Bezerra Coelho foi hoje (6) à sede da Advocacia-Geral da União (AGU), em Brasília (DF), buscar soluções jurídicas que possam dar celeridade à renegociação de débitos contraídos pelos produtores rurais. “Eles querem e precisam pagar suas dívidas para poderem conseguir novos financiamentos, retomar a produção, gerar empregos e contribuir para o reaquecimento da economia”, defende o senador.

Recebido pela ministra da AGU, Grace Mendonça, o líder do PSB e vice-líder do governo no Senado apresentou possibilidades legislativas para a análise do órgão. Entre elas estão medidas que, aprovadas pelo Congresso Nacional, permitirão o parcelamento de débitos rurais que ainda não foram inscritos em dívida ativa e são cobrados pela Procuradoria-Geral da União.

Ano passado, Fernando Bezerra presidiu a comissão mista que aprimorou a Medida Provisória (MP) 733/2016, conhecida como ‘MP da Dívida Rural’. Aprovada pelo Senado e a Câmara dos Deputados, a matéria foi convertida na Lei 13.340/2016. Tal legislação beneficiou produtores de todo o país – principalmente, mais de um milhão de agricultores familiares do semiárido nordestino, inclusive em Petrolina – ao autorizar a renegociação de débitos contraídos ao longo dos últimos dez anos e com rebates (descontos) que podem chegar a 95%. (Foto/arquivo Blog)

4 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma vez o contribuinte é chamado para pagar a conta do empreendimento privado dos outros. Depois reclamam o por quê de um país ser tão rico de recursos naturais e ter tanta gente afundada na pobreza. A Venezuela é logo ali.

  2. governador do estado, DEUS me livre, tudo dele é renegociação de débitos dos produtores rurais que quem paga é nós com os impostos, porque ele não tira do bolso dele e paga, é cada uma nesse brasil. e o povo achando senador bom esse… o povo é enganado e nao sabe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome