Senado empenha R$ 36,3 mil para compra de máquinas de café

2

CaféDepois que veio à tona a alta remuneração dos sete garçons que servem aos senadores no plenário, o Senado Federal resolveu investir mais no cafezinho. A Casa empenhou R$ 36,3 mil para a compra de duas máquinas de café expresso. Os dois aparelhos são ideais para ambientes com grande demanda de café.

As informações são do portal Contas Abertas. Além disso, a Casa também empenhou R$ 1,6 mil para a aquisição de uma trena a laser digital e garantiu também a manutenção de 133 notebooks do órgão. Foram empenhados R$ 27,8 mil para a prestação de serviços de suporte técnico para os aparelhos. Eles são da marca HP.

Outro órgão que também entrou na lista dos gastos é o Superior Tribunal Militar. Ele vai gastar R$ 36,5 mil para contratar uma empresa (UD Organização de Eventos Ltda) para prestação de serviços para o fornecimento de coffee break e coquetel.

O Supremo Tribunal Federal (STF) não ficou de fora. Reservou R$ 2,2 mil para a compra de um fogão elétrico. Já a Secretaria do Superior Tribunal de Justiça (STJ) empenhou R$ 20,6 mil para a compra de 300 apoios para os pés. Cada item possui três regulagens de inclinação dinâmica.

Outros gastos

O STJ também reservou R$ 30,1 mil para a compra de três máquinas fotográficas digitais, cartuchos para bateria e grip de bateria. Além disso, o órgão empenhou R$ 8,1 mil para a compra de um refrigerador horizontal.

Segundo a publicação, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) reservou o equivalente a R$ 346,5 mil para a compra de três carros do modelo Fusion. Além disso, o TST também destinou R$ 4,9 mil para a aquisição de dez fornos micro-ondas e comprou ainda duas poltronas em couro por R$ 5 mil.

Já o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) fez o empenho de R$ 265,6 mil para adquirir 385 purificadores. E para fechar as compras, o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República reservou R$ 7,1 mil para o fornecimento de 20 bancos, sem braço e encosto. (Fonte: Folha de PE)

2 COMENTÁRIOS

  1. Muito interessante, principalmente a máquina de café expresso.Lembremo-nos que esses ambientes de trabalho super,hiper mega e confortavelmente equipados são mantidos também com o nosso dinheiro.
    Caso o Brasil reduzisse os custos na câmara e senado com certeza teríamos uma quantia de valor suficiente pra mudar a realidade da saúde e principalmente educação no país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome