Semi-árido terá investimentos de R$ 13,5 milhões para a cultura

por Carlos Britto // 22 de maio de 2009 às 12:34

semi-arido2O semi-árido brasileiro receberá uma injeção de R$ 13,5 milhões de investimento no ramo da cultura por meio do Ministério da Cultura e do Programa Mais Cultura. Para isso, foi lançada ontem (20) a ação Microprojetos Mais Cultura. A partir de então, o MinC publicará em parceria com os governos estaduais, em 30 dias, os editais de seleção pública dos projetos, nos 11 estados que integram essa região. Desses um está localizado em Minas Gerais, outro do Espírito Santo e os nove restantes, no Nordeste. 

O público alvo da ação serão os jovens que tenham entre 17 e 29 anos, de áreas de vulnerabilidade social, que desenvolvem projetos culturais nas mais diversas linguagens. Além de projetos que tenham algum trabalho direcionado a esse público. A meta é apoiar cerca de 1,2 mil iniciativas. Cada uma será premiada com até 30 salários mínimos.

“O semi-árido tem um recorte preferencial dentro do programa. É uma área com o menor Índice de desenvolvimento humano (IDH) do Brasil e uma riqueza cultural enorme. Sendo pouco atendida pelas políticas públicas de cultura. Temos nessas áreas uma grande demanda acumulada”, revelou a secretária de Articulação Institucional do MinC e coordenadora executiva do Programa, Silvana Meireles. A ação também oferece aos jovens uma oficina de elaboração de projetos, que passará pelos 11 estados, iniciando no Ceará e terminando no Piauí. Recife recebe a oficina no dia 5 de junho.

Já o Banco do Nordeste do Brasil (BNB), em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), também lançou um edital do Programa BNB de Cultura, da edição de 2010. Para isso serão disponibilizados R$ 6 milhões direcionados ao desenvolvimento cultural do Nordeste. Sendo o dobro do que foi investido no ano passado. Além disso, as duas instituições financeiras firmaram um convênio no valor de R$ 12 milhões, que prevê o aporte de recursos tanto para essa edição como para a de 2011.

Ao todo 225 projetos serão beneficiados. As inscrições serão feitas do dia 29 de junho até o dia 24 de julho. O edital completo e o formulário de inscrição estão disponíveis no www.bnb.gov.br. Os selecionados devem ser anunciados no dia 30 de outubro. Além disso, também anunciaram novos editais a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), o Serviço Social da Indústria (Sesi) e a Casa da Moeda do Brasil.

 Informações da Folha de Pernambuco

    

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *