Representantes dos Ministérios Públicos Estadual e Federal inspecionam obras do PRAD na Orla de Petrolina

1

Representantes dos Ministérios Públicos Estadual e Federal fizeram uma inspeção, no dia de ontem (13) na orla do Rio São Francisco, em Petrolina, onde estão sendo executadas as obras do Programa de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD). O trecho envolve as áreas da Orla I e III. Trabalhando em conjunto, prefeitura e Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) estiveram presentes para explicar como todas as obras estão sendo executadas.

Responsável pela identificação de despejos clandestinos de esgoto em galerias, a Compesa vem fazendo intervenções para interligar esses despejos às redes coletoras existentes, bem como implantando novas redes onde antes não existiam. Grande parte da área próxima ao rio já teve recuperação ou instalação de rede coletora nova.

Esse esforço para retirar os esgotos clandestinos na cidade só foi possível graças à união – além da prefeitura – da 3ª Superintendência Regional (SR) da Codevasf, Exército, Univasf, comerciantes e sociedade civil.

Além da Compesa ter executado a exclusão dos efluentes de esgotos que desembocam na orla, também está sendo feita pela prefeitura e Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA) a retirada de lixo e de algarobas (espécie considerada invasora, que se alastrou nos últimos anos pela orla e impede o surgimento de plantas nativas). Agora, as ações também estão concentradas no manejo e recuperação do solo.

Mudas

Dentro do PRAD, está prevista a plantação de 6 mil mudas de espécies vegetais nativas com características da mata ciliar do Rio São Francisco. O processo de reflorestamento da orla deve levar seis meses. (Fonte/foto: Ascom/divulgação)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

14 + dezoito =