Rede de distribuição de gás natural é inaugurada em Petrolina

por Carlos Britto // 22 de outubro de 2021 às 08:30

Foto: Reprodução

A Companhia Pernambucana de Gás (Copergás) foi inaugurada em Petrolina na manhã de ontem (21), com a presença da equipe da secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) de Petrolina. O projeto consiste em transportar o combustível no estado líquido, o Gás Natural Liquefeito (GNL), por meio de caminhões refrigerados.

O GNL tem um volume 600 vezes menor do que no estado gasoso, o que possibilita sua viabilidade econômica, mesmo com o transporte por longas distâncias. Após regaseificado, o gás é transferido para a empresa Copergás, que fará a distribuição local para os clientes industriais, comerciais, residenciais e veiculares (GNV).

“Petrolina é a primeira cidade do sertão de Pernambuco a receber gás natural. Representando o prefeito Miguel Coelho, parabenizamos a chegada da Copergás ao município. Com certeza o empreendimento irá criar novas oportunidades de desenvolvimento para a economia da região e assim, colocando ao alcance da população uma fonte de energia segura, eficiente e econômica”, pontuou o novo secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Jorge Assunção.

Participaram também do evento o secretário executivo de Desenvolvimento Econômico, Thiago Brito, e o secretário de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade, Emicio Júnior.

Rede de distribuição de gás natural é inaugurada em Petrolina

  1. Sertanejo-PE disse:

    Arcoverde fica no sertão e já conta com GNV!

  2. Maria disse:

    Uma medida importante dessa para a economia da cidade, o prefeito falta porque está num projeto privado, os interesses privados suplanta o interesse público.
    Só porque o projeto não é de articulação deles?
    Que vergonha!!!!

  3. José Roberto disse:

    Quanto ao comentário acima eu discordo, o prefeito está atrás de mais coisas para a cidade, diferente de políticos que tem uma obra e fica bitolado nela. Você devia mamar do outro lado ou é de Juazeiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *