Rede Atacadão doa 1,7 mil cestas básicas ao Transforma Petrolina

0
Foto: Ascom PMP/divulgação

Maior rede de atacarejo do Brasil, o Atacadão agora faz parte da campanha de solidariedade para atender famílias vulneráveis em Petrolina durante a crise do novo coronavírus (Covid-19). Na última segunda-feira (4) o grupo empresarial entregou 1.700 cestas básicas ao Transforma Petrolina. Foi a maior doação feita até o momento para a campanha de arrecadação de alimentos a comunidades de baixa renda do município sertanejo.

Com o mote “Transforme isolamento em união”, o Transforma Petrolina tem mobilizado empresas, associações, condomínios e a sociedade para ajudar famílias mais afetadas economicamente pela pandemia. Já foram doadas mais de 3 mil cestas básicas e 3 toneladas de frutas desde a primeira quinzena de março.

A doação do Atacadão, segundo a coordenadora do Transforma, Lara Secchi Coelho, pode ser uma inspiração para outras grandes corporações colaborarem para a campanha solidária na Terra dos Impossíveis. “Esse é um gesto de muito impacto. Estamos muito agradecidos ao Atacadão pela significativa doação. Mas isso representa mais que a generosidade e a certeza de atender 1.700 famílias com cestas básicas. Quando uma empresa desse porte se engaja na rede de solidariedade, traz ainda mais credibilidade ao trabalho e inspira outras empresas a participarem desse processo de apoio e reconstrução da nossa sociedade“, explica a coordenadora.

Qualquer pessoa pode fazer sua contribuição. Para isso, basta entrar em contato com o Transforma Petrolina pelos telefones e WhatsApp (87) 9 9634-9252 ou (87) 98848-9592. Outra forma é pelo Instagram @transformapetrolina. Após o agendamento, a equipe de voluntários vai buscar a doação no endereço combinado.

As doações recebidas pelo Transforma Petrolina são destinadas às famílias em situação de vulnerabilidade social acompanhadas pelos Centros de Referência de Assistência Social (CRASs) do município. São mais de 30 mil cidadãos nesta situação, que estão inscritos no Cadastro Único.

Demandas

As demandas sociais em Petrolina são crescentes. O Ministério da Cidadania informou que vai liberar R$1,8 milhão para o setor social em Petrolina. O recurso vai ajudar, mas ainda não será o suficiente para atender toda a necessidade. Estão sendo distribuídas cerca de mil cestas básicas por semana. Até o momento já foram destruídas mais de 5 mil. No entanto, a demanda é crescente e as doações por parte da iniciativa privada acabam se tornando necessárias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome