Recusas levam Suzana Ramos a pedir a juazeirenses que recebam recenseadores

por Carlos Britto // 06 de setembro de 2022 às 09:00

Foto: Ascom PMJ/divulgação

A prefeita de Juazeiro (BA), Suzana Ramos, reforçou junto à população sobre a importância do trabalho dos profissionais que estão realizando a coleta do Censo Demográfico 2022, e pediu a colaboração de cada comunitário. Os recenseadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) já estão no município levantando essas informações. O trabalho é necessário para atualização dos dados sobre as condições de vida da população.

Segundo Suzana, a partir do Censo é possível a elaboração de políticas públicas que viabilizam a chegada de recursos ao município, a serem convertidos em obras e ações que melhoram a vida dos seus habitantes.

É de grande importância que os juazeirenses recebam os recenseadores em suas casas para podermos, através da análise dos dados, garantirmos mais verbas a partir da constatação do aumento populacional, e assim podermos seguir construindo uma Juazeiro com mais saúde, educação, infraestrutura e qualidade de vida“, assinalou a prefeita.

É através do Censo que teremos o número exato da população de nossa cidade e a situação socioeconômica de cada bairro, cada local. Fiquem atentos a como reconhecer o recenseador. Ele deve usar um colete padrão, azul do IBGE; o crachá, que além de ter as informações pessoais do agente, também tem um telefone de atendimento gratuito do IBGE e o endereço do site, para que o cidadão possa tirar suas dúvidas e garantir que realmente é um agente da instituição que está em sua casa“, frisou Suzana.

Estatísticas

De acordo com o coordenador de área do Censo Demográfico 2022, Saulo Almeida, em Juazeiro são aproximadamente 170 profissionais trabalhando na realização do Censo. “Em pouco mais de 30 dias de coleta das informações em Juazeiro, já visitamos cerca de 45% dos endereços, domiciliares e não residenciais, já recenseamos aproximadamente 38% da população. Todo o processo está acontecendo dentro do que foi planejado e se continuarmos com a produtividade que temos hoje, vamos alcançar 80% do recenseamento no mês de setembro”, destacou.

O coordenador ressalta ainda que já foram contabilizadas, até o momento, uma média de 800 recusas por parte da população. “Temos encontrado também muitos domicílios sem os moradores, no horário em que visitamos. Então, alertamos que não estranhem caso recebam a visita de um recenseador, aos finais de semana, ou à noite. Abram suas portas, recebam os recenseadores e nos ajudem a realizar o censo, pois ele é o responsável pelo levantamento de informações sobre a população do país e sua condição de vida, fator determinante para o desenvolvimento de políticas públicas voltadas para a nossa realidade“, afirmou Saulo Almeida.

Para confirmar a identidade do recenseador é só acessar o site ou ligar para o 0800-721-81-81, telefone de atendimento gratuito do IBGE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.