Programa Mãe Coruja Pernambucana próximo de ser implantado na região

por Carlos Britto // 16 de abril de 2009 às 16:07

O Programa Mãe Coruja Pernambucana, que vai contemplar os municípios da 8ª Gerência Regional de Saúde (8ª Geres), com sede em Petrolina, está próximo de ser implantado.

Coordenadores do programa promoveram uma palestra de capacitação, no auditório do Sest/Senat, ontem (15), para sensibilizar gestores e representantes de movimentos sociais a aderirem à iniciativa do Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura Municipal de Petrolina.

O objetivo é reduzir a mortalidade materno-infantil, garantindo atenção integral às gestantes, aos seus filhos e às famílias.

Programa Mãe Coruja Pernambucana próximo de ser implantado na região

  1. Na Tampa disse:

    Não sei como se está criando uma coisa que já funciona há muitos anos aqui em Petrolina. Este programa “a mãe Corja”. Lembro-me ter assistido exposição no rotary Club Petrolina Norte, sobre o seu funcionamento, desde o cadastramento das mães que doam leite até a sua distribuição e acompanhamento para os recém-nascidos, cujas mães haviam morrido, ou tinham enfermidade transmitidas pelo leite, ou não produziam o suficiente para seu bebê. Ouvi informações interessantes deste trabalho sobre todo o funcionamento deste programa. Lembro-me mais de que o Rotary, na época doou um refrigerador para este programa, uma vez que havia esta necessidade. Então, trata-se da criação ou de um melhoramento e expansão do programa?

  2. Carlinha disse:

    este programa que vc está falando na tampa é mãe tartaruga

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *