Programa de pavimentação tocado por Miguel Coelho vira embate travado entre oposicionistas e governistas na Casa Plínio Amorim

15
Foto: Blog do Carlos Britto

Sem projetos do Executivo na pauta de votação da Casa Plínio Amorim, o prefeito de Petrolina Miguel Coelho (sem partido) virou alvo de ataques da oposição na sessão plenária desta terça-feira (17).  O tom foi dado pelo líder da bancada, vereador Paulo Valgueiro (MDB). Da tribuna, Valgueiro chegou a questionar a força do grupo político de Miguel, liderado pelo pai dele – o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

Segundo Valgueiro, se o prefeito tivesse mesmo essa força, não estaria tomando empréstimo para viabilizar o programa de pavimentação de ruas e avenidas no município. A declaração foi reforçada pelo colega de Valgueiro, vereador Gabriel Menezes (PSL). Ele lembrou sobretudo dos R$ 60 milhões obtidos pela atual administração junto à Caixa. Para Gabriel, além de trazer prejuízos futuros aos cofres municipais, esse empréstimo tem cunho “eleitoreiro” porque muitas ruas serão pavimentadas em 2020, ano de campanha, durante o período permitido pela legislação eleitoral.

Um dos que saíram em defesa de Miguel foi o governista Alvorlande Cruz (PSL), o qual afirmou que Gabriel não quer ver a pavimentação chegar a várias comunidades de Petrolina.

Primeiro vice-presidente da Mesa Diretora, o vereador Ronaldo Cancão (PTB) – também aliado do prefeito – argumentou que, na gestão passada, era oposição ao antecessor de Miguel, Julio Lossio (PSD). Mesmo assim ajudou a aprovar projetos semelhantes como esse, inclusive em ano eleitoral.

15 COMENTÁRIOS

  1. A verdade é que o Sr. Gabriel Menezes (tchutchuca de Julio Lossio) é um cegamente apaixonado por Lossio e que não está se aguentando de dor de cotovelo pela excelente gestão do atual prefeito. É O MAIOR PROGRAMA DE PAVIMENTAÇÃO DA HISTÓRIA DA NOSSA CIDADE. Aceitem que dói menos!

    • Não fizeram e nem cobraram por isso. Já Miguel está fazendo e já vai no terceiro aumento de imposto em 3 anos. Acabar os desprovidos de instrução acham que a gestão é boa. Mas eu tenho que aplaudir o Novo Tempo: são bons marqueteiros e em calar os vereadores.

      • Até porque cobrar pelo que não foi feito é estelionato. E esses últimos 8 anos de estelionato eleitoral saíram bem mais caro pra cidade, do que um empréstimo de 80 milhões pra quem tem um orçamento de quase 1 bilhão!
        As obras de Miguel estão em toda a cidade e somente as viúvas fingem não enxergar!

  2. Esses imprestáveis nunca fizeram nada e nem querem deixar ninguém fazer.
    Um passou 8 anos caladinho com emprego fantasma na prefeitura, o outro colocou o irmão pra ser testa de ferro e virar milionário da noite pro dia.

  3. Estamos aguardando que o prefeito olha para o lado norte da cdade. Aqui ha varios bairro abandonados. Carente de tudo. Santa Luzia, Mandacaru,Terras do Sul,São Joaquim,São Jorge. Padre Cicero. Lembre que aqui é Petrolina. Onten foi o aniversário de 17 anos que comessaram o saneamento basico e nunca terminaram.

  4. Oposição à população alguns vereadores são. A gestão de Miguel é a melhor que Petrolina já teve, na minha opinião. Os opositores estão desesperados porque sabem que em 2020 prefeito é Miguel de novo e isso pesa também na eleição para vereador, deixando a coisa meio incerta pra quem só critica e no fim não serve para nada. Medo de perder a mamata grita.

  5. só acho um absurdo esse valor exorbitante e para começar a pagar só em 2023 isso é saber fazer contas bem calculadas por miguel como se ele vai se reeleger e o proximo que entrar que vai assumir a conta mais pesada. vamos cair na realidade gente esse dinheiro vai fazer o prefeito trazer ruas pavimentadas. agora a conta quem vai pagar não é ele e sim o que entrar depois da reeleição dele. o pior ainda é saber que não estão fazendo asfalto de qualidade, pra onde está indo esse dinheiro fazendo asfalta da pior qualidade, isso que o povo não pensa ai daqui a 1 anos estão reclamando do asfalto que esta cheio de buraco e se desmanchando. acorda petrolina

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome