Professores exonerados de Inajá (PE) fazem protesto no Recife contra “perseguição política” da prefeitura

0

Protesto InajáProfissionais concursados da educação de Inajá (PE), no Sertão do Moxotó, foram ao Recife nesta terça-feira (11) para protestar, em frente ao Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), contra o prefeito Leonardo Martins (PSDB). Eles alegam que estão sendo perseguidos politicamente pelo gestor municipal.

Munidos de faixas com ataques sérios à administração do prefeito, cerca de 100 pessoas, profissionais concursados da área de educação e exonerados, participam do protesto.

Ao todo, 317 concursados denunciam que foram exonerados por decreto logo depois que o novo prefeito assumiu, em fevereiro do ano passado. O grupo conseguiu uma liminar na justiça para voltarem aos postos, mas foram surpreendidos com um novo desligamento, sem nenhum critério legal.

No ano passado, segundo o coordenador-geral do Sindicato dos Profissionais do Magistério das Redes Municipais de Pernambuco (Sinduprom-PE), Josenildo Vieira, os profissionais só receberam apenas quatro meses de salário. “Estão sem 13º, férias, nada, desde novembro”, reclamou.

Neste momento, os manifestantes participam de audiência com o presidente do TJPE, Desembargador Frederico Ricardo de Almeida Neves. (Fonte/foto: JC Online)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome