Professores da rede municipal de Juazeiro finalizam greve após 17 dias de movimento

0

Os professores da rede municipal de Juazeiro (BA) aprovaram na quinta-feira (22) o término da greve que já durava 17 dias, após ouvirem de representantes do governo municipal a proposta de devolução da verba desviada do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), no ano de 2008. O retorno às salas de aulas já acontecerá nesta sexta-feira (23), segundo informou a APLB/Sindicato local.

Presente na assembleia realizada ontem, o secretário Clériston Andrade reiterou, segundo a APLB, a proposta de pagar os R$ 3 milhões em 24 parcelas e de se compor uma mesa de negociações com a participação de representantes dos inativos e pensionistas, governo e sindicato na tentativa de se encontrar um canal viável e legal de contemplar essa categoria. Em seguida os convidados se despediram deixando a assembleia à vontade para votar as propostas.

A proposta aceita pela categoria, referente ao pagamento de R$ 3 milhões aos efetivos e estáveis da época, ainda visa a criar uma verba remuneratória em forma de requalificação profissional e abrir também, a partir daí, uma mesa de negociações com a participação dos aposentados e pensionistas, ficando os contratados para resolver após sentença Judicial.

Reposição de aulas

Quanto ao calendário de reposição dos dias parados, a APLB divulgará em breve como isso vai ser feito, depois que se reunir com o secretário. (foto/arquivo divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome