Produtor cultural promete ‘beijaço’ no dia de moção de repúdio de vereador petrolinense contra reportagem de TV

15

A moção de repúdio anunciada pelo vereador Elias Jardim (PHS) na sessão plenária desta terça-feira (13) na Casa Plínio Amorim, contra uma reportagem mostrada ontem (12) pela TV Grande Rio na edição de meio-dia do telejornal, alusiva ao Dia dos Namorados, exibindo o beijo romântico entre dois homens, pode estar apenas no começo de uma grande polêmica. Indignado com a reação de Elias, o produtor cultural e jornalista Edvaldo Franciolli prometeu um ‘beijaço’ na próxima sessão em que o vereador pretende apresentar a moção de repúdio.

Franciolli, que é gay assumido, lamentou o posicionamento do vereador (o qual é um dos integrantes da bancada evangélica no Legislativo Municipal). Ele justificou que a matéria exibida pela Grande Rio – uma afiliada da Rede Globo no Sertão pernambucano – não teve nenhuma obscenidade, nem foi sexualmente apelativa.

“Parabenizo a TV Grande Rio por ter tido a coragem de mostrar que toda forma de amor vale a pena. Foi apenas um beijo entre duas pessoas do mesmo sexo que se amam”, declarou. “O beijo não agrediu ninguém. Pagamos nossos impostos, como todo cidadão, somos profissionais, temos nossas carreiras e respeitamos todas as religiões. Agora, que também nos respeitem”, desabafou Franciolli, acrescentando que sua condição sexual não vai contra seu caráter ou personalidade.

Ele aproveitou para convocar toda a comunidade LGBT (Lésbicas-Gays-Bissexuais-Travestis) de Petrolina e região para se fazer presente na próxima terça-feira (20), quando a moção de repúdio deverá ser votada, uma vez que não deve acontecer a sessão desta quinta (15). “Vamos lotar a plenária para mostrar a ele (Elias) que ao invés de estarmos nos estapeando, matando ou roubando, estamos fazendo amor da maneira que nós acharmos que devemos fazer”, concluiu Franciolli.

15 COMENTÁRIOS

  1. Ao invés dos nobres edis ficarem preocupados com beijos gays, deveriam se preocuparem com os reais problemas da nossa Cidade, vão procurar o que fazer, serem útil a nossa população, para isso que são muito bem remunerados, ainda, aproveita se da religião para se elegerem, por isso nosso país encontra se nesta situação, devido a qualidade de nossos políticos. A titulo de sugestão, deveriam aproveitar o ensejo e aprovarem moção de repudio a certos pastores evangélicos, que se aproveitam do nosso para povo para enriquecerem.

  2. O que está subliminar é uma guerra declarada contra o cristianismo e seus valores. Em nome de um suposto pleito de tolerância, militantes LGBTs se dão ao luxo de serem intolerantes com os cristãos. Vergonha e asco de Edvaldo, meu ex-professor, que até então eu reputava por decente, e que agora dá essa declaração pública de ódio aos cristãos, logo ele que laborou em colégios católicos por tanto anos. Enojante.

  3. NÃO TENHO NENHUM TIPO DE PRECONCEITO AGORA SÓ ACHO QUE ESSE PESSOAL LGBT TEM QUE RESPEITAR AS OPINIÕES DOS OUTROS E PARA DE QUERER SE VITIMIZAR EM TUDO. ESSE PRODUTOR CULTURAL ESTAR É QUERENDO SE APARECER. ME DIGA UMA COISA EDVALDO QUANDO VC ESTAR NO MEIO DAS PESSOAS QUE VOCÊ GOSTA DE PUXAR O SACO VC FICA COM ESSA FALTA DE RESPEITO NESSAS CASAS

  4. Os Gays merece respeito, mas precisam ser discretos e não impor suas preferencias do mesmo jeito que sou hetero e não imponho minha preferencia a um gay. Não é bom ficar provocando as outras pessoas, cada um é o que é e pronto.

  5. A promoção do movimento LGBT é mais uma etapa da implantação de uma agendA global, cujo objetivo é corromper os valores morais da família, desvirtuando-a, promovendo conflitos entre os seus simpatizantes e aqueles que discordem de seu comportamento. Nesse sentido, tv globo, juntamente com suas afiliadas, sendo peça importantíssima para implantação de tal agenda, só fez o que os seus “senhores”, do Brasil e de fora, ordenaram que faça. O próximo passo é a instituição e liberação da pedofilia como uma das formas mais puras de amor. Quem viver verá.

    • ERRADO!!! O que saiu pela CÚlatra foi a manifestação de desrespeito desse baitingas desaforados. Todo apoio ao vereador Elias contra essa gentinha dengosa, vitimista e arrogante.

  6. Todos tem o direito de ser o que quer, agora querer que os outros curtam ou ache bonito é outra coisa, o pessoal LGBT sempre faz coisas pra chamar atenção, acho que os meios de comunicação por conveniências procuram valoriza-los, por isso que acontecem vários problemas, até mesmo colocando a vida deles em perigo, a mercê de algum louco (do contra), em primeiro lugar o respeito as religiões, as famílias, mesmo porque tem muita gente que diz que é a favor e não tem preconceito só da boca pra fora. Tudo é bom na casa dos outros, quando tem em casa muda de figura. Temos que ser moderados ambas as partes pra não gerar conflito. E o vereador poderia gastar o seu tempo, vendo os problemas que não são poucos dos bairros, no interior mesmo porque foi eleito e recebe salario pra isso, em gestão anteriores teve vereador que brigou por conta de uma estatua dentro do rio, porque sua religião é contra. Vereador é pago pra defender os interesse dos seus eleitores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome