Procuradoria Geral de Juazeiro ingressará com ação no MPBA contra fake news nas redes sociais envolvendo novo coronavírus

1
Foto: Divulgação

A Procuradoria Geral do Município de Juazeiro anunciou nesta terça-feira (24) que ingressará com ação no Ministério Público da Bahia (MPBA) contra grupos de WhatsApp e perfis nas redes sociais que estão propagando fake news, causando pânico na população durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

O órgão municipal explica que anexará prints na ação, além dos números dos telefones das pessoas que postam informações falsas através de textos, vídeos, fotos e áudios, como também a identificação dos administradores dos grupos. “Neste período, já identificamos vários casos. Tivemos que desmentir, por exemplo, que o SAAE estivesse fazendo corte de água de pessoas carentes. Utilizaram imagens de um conserto de vazamento para propagar a mentira. Os que praticam tais coisas precisam prestar contas à justiça”, disse o procurador geral do município, Eduardo Fernandes.

Segundo ele, outra prática muito comum é a utilização de imagens de unidades de saúde de outras cidades para se referir a Juazeiro, além de espalhar boatos com fotos de pessoas afirmando que elas estariam infectadas pelo vírus. “É criminoso o que vem sendo praticado. Alguns por interesses políticos, outros por pura maldade, cumprem um desserviço num momento tão delicado como o que passamos”, completou.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome