Presidente do Senado tentará acordo com STF sobre piso dos enfermeiros

por Carlos Britto // 05 de setembro de 2022 às 16:50

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, deve se reunir nesta terça-feira (6) com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, que suspendeu temporariamente a lei do piso nacional dos profissionais da Enfermagem. A Associação Nacional de Saúde, Hospitais e Estabelecimentos de Serviços recorreu ao STF alertando uma onda de demissões diante da impossibilidade dos pagamentos de R$ 4.750 para enfermeiros, de R$ 3.325 para técnicos e de R$ 2.375 para auxiliares e parteiras.

Governadores e prefeitos cobraram do governo federal para bancar o novo piso da categoria. Ao defender uma solução, Rodrigo Pacheco declarou que a lei é uma medida justa que vai beneficiar os profissionais que se notabilizaram na pandemia e possuem remunerações absurdamente subestimadas no País. O autor do projeto, senador Fabiano Contarato, do PT do Espírito Santo, ressaltou que a lei foi aprovada diante de pareceres jurídicos.

“Em nome do Parlamento, tratarei imediatamente dos caminhos e das soluções para a efetivação do piso perante o STF, já que o tema foi judicializado e houve decisão do eminente ministro Luís Roberto Barroso. Com diálogo, respeito e inteligência, daremos rápida solução a isso”, declarou o senador.

Presidente do Senado tentará acordo com STF sobre piso dos enfermeiros

  1. Pé no Saco disse:

    Tentará presidente fraco, esse daí é daquele tipo de pessoa que não faz falta a humanidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.