Presidente do PTB em Pernambuco detona gestão socialista: “Quadrilha”

por Carlos Britto // 13 de janeiro de 2022 às 17:59

Foto: Rede Social

Presidente do PTB de Pernambuco, o Coronel Luiz Meira é mais um a centrar fogo contra a gestão de quase duas décadas do PSB no Estado. Em entrevista concedida ao Programa Painel 100.7, com Carlos Britto, na Grande Rio FM, o dirigiente partidário fez duras críticas aos socialistas. “Temos, atualmente, uma quadrilha de assaltantes em Pernambuco. Não vamos permitir que a gestão de Paulo Câmara afronte os cidadãos, precisamos ter sensibilidade com as pessoas”, alfinetou. As críticas foram motivadas sobretudo por conta da polêmica envolvendo o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Embora o governo estadual conteste, Meira afirma que houve um reajuste médio de 22%. “O governo de Pernambuco não tem sensibilidade com os cidadãos, é inadmissível que os condutores comecem o ano tendo que pagar uma taxa tão exacerbada de IPVA, pois não temos rodovias ou estradas seguras. A BR-232, por exemplo, que interliga a capital, Recife, ao Agreste e ao Sertão do Estado, está acabada. O dinheiro que vem sendo arrecadado está indo para onde?”, questionou o Coronel, que disse esperar que a justiça ‘congele’ o reajuste.

Meira declarou que a informalidade de empregos em Pernambuco supera os 50%, e, que, parte dos motoristas usa os veículos para fins de trabalho. “O governador Paulo Câmara não conhece o estado que administra, ele não consegue enxergar a difícil rotina das pessoas, principalmente, daquelas mais simples. Em Minas Gerais, o governador Romeu Zema Neto, não fez nenhum ajuste. Ao contrário, ele manteve o mesmo valor de 2021, percebendo os problemas enfrentados em virtude da pandemia”, destacou o Coronel.

Questionado sobre as expectativas com relação à suspensão abusiva da taxa, ele disse esperar que o Estado tenha como referência o índice oficial e o déficit financeiro das pessoas diante do cenário pandêmico.  Meira acrescentou ainda que irá lutar por alternativas para coibir a “cobrança abusiva” do imposto.

Presidente do PTB em Pernambuco detona gestão socialista: “Quadrilha”

  1. Francisco disse:

    É teu irmão ex-prefeito de Camaragibe é o que? 40 neles. É muito urubu querendo a vaga do Câmara.

  2. ELEITOR CONSCIENTE disse:

    O reajuste dos salários com base na inflação, deve girar em torno de 10,2%. O IPVA, que ninguem come, que não produz nada, é simplesmente um papel que o governo impõe para voce puder ter um veículo, ter um reajuste de 22% é simplesmente uma afronta ao cidadão. Se o Governo de Pernambuco reajustasse os salários dos funcionários em 22% sim, seria cabível, mas vai ver que ele não dará nem a inflação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *