Presidente da União dos Pastores de Petrolina fala de homenagem da Casa Plínio Amorim: “Justa e merecida”

3

GEDC0372O presidente da União dos Pastores de Petrolina (Upepe), Clayton Antônio, considerou “justa e merecida” a iniciativa da Casa Plínio Amorim, que realiza hoje (9) uma sessão solene em homenagem ao Dia do Pastor – comemorado no 2º domingo de junho.

De acordo com Pastor Clayton, a homenagem é concedida há 11 anos e partiu de uma iniciativa do então vereador Ruy Wanderley. “Há 11 anos Ruy levou a proposta, que foi aprovada, e desde então todo mês de junho, em data a combinar, a Câmara realiza uma sessão de homenagem aos pastores e pastoras da cidade”, disse.

Reconhecendo a importância da homenagem,  ele lembra que os pastores desempenham não apenas um trabalho religioso, mas acima de tudo um serviço social.

É uma deferência a alguém que ajuda a sociedade. Nós acreditamos que o poder (municipal, estadual e federal) deveria carregar as igrejas nos braços. Porque todas as feridas, as mazelas da sociedade, a maioria dela chega para nós. Nós retiramos das costas deles um peso incomensurável, então eu acho que é algo justo e merecido”, finalizou.

A sessão será realizada hoje (9) na Casa Plínio Amorim a partir das 19h30, e contará com a presença de representantes de várias igrejas da cidade. Na oportunidade, haverá pregação bíblica com o pastor Alcides Araújo, o primeiro presidente da Upepe.

3 COMENTÁRIOS

  1. Tem dia para tudo e isso é normal ou desnecessário. Difícil e termos o dia dos verdadeiros adoradores, pois quem arrogará para si esse título.

  2. Não entendi, ou espero ter entendido errado, o que o entrevistado quis dizer com “…o poder deveria carregar as igrejas nos braços”. Alguém avisa a ele que o ESTADO é LAICO!

  3. A Igreja e a política: A roma antiga ainda existe com os fariseus e sacudeus modernos: estão acabando com a palavra de Deus, enfim quase todos os pastores tem seu lado partidário e esquecem de cuidar das ovelhas pq a voz da prosperidade fala alto no coração dos mesmos. ver os fies clamando nas igrejas por vidas melhores, pagando os dízimos e ofertas para manutenção e despesas com administração dos (pastores e seus acessórios). falam de Edir dos Macedos mais são (quase) todos iguais. enfim que falta faz Pedro e Paulo para puxar as orelhas destes soldados pelo desobediência.

    Informo: e da câmera que sair algumas propostas aprovadas que leva o povo a miséria, este os que se diz ser de deus estão se enchendo seu egos pessoal alguns nem todos. vamo0s orar mais pastores.

    Lembrando: Lembrando dia do Pastor e 17 de dezembro.

Deixe uma resposta para Fiel e Corajoso. e amado por DEUS. Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

cinco × 3 =