Presidência da União de Vereadores de Pernambuco vira motivo de discórdia entre seus integrantes

por Carlos Britto // 29 de janeiro de 2021 às 15:00

Após o atual presidente da União de Vereadores de Pernambuco (UVP), Josinaldo Araújo (PTB), anunciar que pretende disputar o 4° mandato, o vereador de Sertânia e vice-presidente, Antônio Fiapo (PSB), emitiu nota discordando da atitude do colega. “sempre fui contra a perpetuação de poder”, declarou.

Ocorre que agora, novamente, ele quer tentar um quarto mandato. E por discordar dessa tentativa de perpetuação de poder, fui convidado por um grupo de vereadores e vereadoras para ser candidato a presidente da UVP. Vamos trabalhar para que a UVP tenha o nível de excelência que hoje tem a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe)”, declarou o vereador sertaniense.

Presidência da União de Vereadores de Pernambuco vira motivo de discórdia entre seus integrantes

  1. Sempre Atento disse:

    A coisa é muito boa não quer deixar a moleza,deve rolar muito dinheiro nisso,se fosse para trabalhar na inchado ele não queria nem um segundo, agora como é para ficar sentado em cima do dinheiro não quer deixa nem empurrado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.