Prefeitura apreende materiais em obra que havia sido embargada no Centro de Petrolina

por Carlos Britto // 10 de junho de 2019 às 09:00

Foto: Ascom PMP/SEDURBH divulgação

Uma construção que estava sendo feita de forma irregular no Centro de Petrolina teve os materiais apreendidos pela equipe de fiscalização de obras da prefeitura, na tarde do último sábado (8). O prédio, localizado à Rua Antônio Santana Filho, foi embargado pelo município no final de abril deste ano, quando parte da fachada do prédio desabou, deixando uma pessoa levemente ferida.

Na ocasião a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEDURBH) constatou que a construção estava sendo realizada de forma clandestina, ou seja, sem a licença municipal. Mesmo com o lacre de interdição, foi constatado que a obra continuou sendo feita durante a noite e nos finais de semana. Foram apreendidas ferramentas e materiais de construção. A operação contou com o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM).

Prefeitura apreende materiais em obra que havia sido embargada no Centro de Petrolina

  1. Defensor da liberdade disse:

    Essas licenças só servem para arrecadar dinheiro para a vagabundagem estatal mesmo, ou algum inocente aqui acredita que fiscalização do CREA ou da prefeitura tem valor em alguma coisa? Tá na hora de começar a mudar isso aí, se todo mundo boicotasse essas idiotices eles não poderiam fazer nada.

    1. Vizinho chato disse:

      Até o dia que a obra sem licença for ao lado da sua casa com um terraço com vista panorâmica para sua piscina aí vai reclamar com a mãe Joana

  2. Crítico disse:

    Que tá faltando para legalizar esta obra? Sera´que não é melhor a empresa seguir as regras e a prefeitura dar celeridade as coisas, baseado na legalidade? Temos que atentar que a obra gera empregos na construção e depois de pronta passar gerar empregos no comercio que ali irá se instalar.

  3. Sempre Atento disse:

    Quando a prefeitura não fiscaliza reclamam e quando faz suas obrigações reclamam também,quem vai entender uma coisa dessa.

  4. Roberto mendes disse:

    Os esgotos a céu aberto na cidade e ninguém vai atrás de licença para resolver o problema.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.