Prefeito Eudes Caldas admite apoio a FBC para senador

por Carlos Britto // 27 de maio de 2009 às 07:20

pref-cabrobo1O prefeito de Cabrobó, Eudes Caldas, admitiu que poderá ter dois candidatos a senador para apoiar em 2010. O primeiro, já dado por ele como certo, é o deputado federal Armando Monteiro Neto (PTB), do qual o prefeito é um aliado de primeira hora.

O outro nome poderá vir a ser o do secretário Fernando Bezerra Coelho (PSB). Embora não pertença ao grupo de Bezerra Coelho, o prefeito de Cabrobó garante que também pediria votos para o secretário.

“Independente de Fernando ser um adversário nosso dentro do município, ele é um grande nome e pode vir fazer um grande trabalho pela nossa região”, ressaltou o prefeito.

Mas Eudes vê muitas dificuldades numa composição de majoritária como essa, porque o governador Eduardo Campos e Bezerra Coelho pertencem à mesma legenda.

Na opinião do prefeito, que conta com o PT na base do seu governo, o mais provável é que o segundo nome para disputar o Senado saia mesmo das hostes petistas. “Essas divergências internas do PT são históricas. Acredito que não sejam incontornáveis. Acho que vai desaguar num nome comum, porque são pessoas maduras, com compromissos com Pernambuco e com o governador Eduardo Campos”, ponderou Eudes.

Por Antonio Carlos Miranda 

Prefeito Eudes Caldas admite apoio a FBC para senador

  1. AVELAR AMADOR disse:

    ACM, FALTOU IDENTIFICAR QUAL PARTIDO É O DE EUDES…

  2. Agora FBC tá eleito! O prefeito da cidade mais poderosa do interior de PE é esse homem… Pense numa garantia!

  3. luiz cabrobo disse:

    Prefeito , esqueça um pouco a eleição de 2010, e olhe para as obras inacabadas que existe na cidade.

  4. Ze Prexedes disse:

    Não sabia que Armando Monteiro era tão caridoso, cuidado prefeito, a eleição de Armando não está garantida não. Esse negócio de acender vela pra tudo quando é santo pode bagunçar o orarório. Mas eu acho que isso é apenas conversa de botequim, o prefeito tem mais é que trabalhar por Cabrobó e isso ele está fazendo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *