Prefeito de Cabrobó adere à paralisação da CNM e decreta ponto facultativo nesta sexta-feira

0

decreto (2)O prefeito de Cabrobó (PE), no Sertão do São Francisco, Auricélio Torres, aderiu à paralisação proposta pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e fechará as portas da prefeitura nesta sexta-feira (11). O protesto é contra a atual situação de crise dos municípios brasileiros e faz parte da campanha “Viva o seu município”.

De acordo com o gestor, a paralisação foi decidida durante reunião ocorrida na última semana na Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE). Amanhã, todos os gestores mobilizados se reunirão no Recife para participar de um ato na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Na ocasião, alguns prefeitos deverão fazer uma demonstração de suas contas e as dificuldades em atender à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e ao mesmo tempo cumprir os pisos salariais, especialmente na área de Educação. Durante este encontro, também serão discutidas sugestões as pautas para a Marcha à Brasília que acontecerá de 12 a 15 de maio.

Mais uma vez, o Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM) entra na pauta de reivindicações dos prefeitos. Segundo a Amupe, uma das principais dúvidas dos prefeitos é se esse novo FEM estaria condicionado à finalização das obras da edição 2013, uma vez que, o recurso está em atraso.

 De acordo com o decreto 021/2014, o ponto facultativo não atingirá os serviços de saúde, limpeza urbana, serviços de educação e assistência social. As horas não trabalhadas nesta sexta-feira deverão ser compensadas a partir do dia 5 de Maio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome