Petrolina passa a vacinar crianças com comorbidades a partir de 6 meses

por Carlos Britto // 17 de novembro de 2022 às 16:31

Foto: Ascom PMP/SMS divulgação

Em Petrolina, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ampliou a vacinação contra a Covid-19. Nesta quinta-feira (17), os pais ou responsáveis de crianças a partir dos seis meses de idade que possuem comorbidades já podem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Inicialmente, o esquema de vacinação será com três doses do imunizante Pfizer Baby.

O município recebeu 2.010 doses. Esse quantitativo é referente à primeira, segunda e terceira doses, o que corresponde a imunização de 670 crianças. Assim, foi necessário montar uma estratégia e os imunizantes serão distribuídos em seis UBSs, para evitar perdas. São elas: Amália Granja, na Vila Mocó; Ricardo Soares, na Cohab Massangano; Bernardino Campos Coelho, na Vila Eduardo; Josefa de Souza, no Pedra Linda; Lia Bezerra, no José e Maria; e Plínio Amorim, em Rajada.

O público-alvo para vacinação são crianças de 6 meses a 2 anos, que possuam as seguintes comorbidades: diabetes Mellitus; pneumonia crônicas graves; hipertensão arterial resistente; hipertensão arterial estágio 3; hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo; insuficiência cardíaca (IC); cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doenças da aorta; dos grandes vasos; fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatias congênitas; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados; doenças neurológicas crônicas; doença renal crônica; imunocomprometidos; hemoglobinopatias graves; obesidade mórbida; síndrome de down e cirrose hepática.

Os pais precisam levar documento de identificação com foto ou certidão de nascimento das crianças, cartão SUS ou CPF e documento que comprove a comorbidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.