Petrolina confirma mais 117 casos positivos e outro óbito pelo novo coronavírus; Confiram lista atualizada de bairros

5
Foto: Ascom PMP/SMS divulgação

Petrolina registrou um acréscimo de 117 casos positivos do novo coronavírus (Covid-19) neste sábado (7), o que totaliza até o momento 7.794 infectados pela doença, conforme o boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Os dados apontam mais 93 curas clínicas, totalizando 5.544 recuperados.

Dos novos casos de hoje, 115 foram confirmados a partir dos 360 testes rápidos realizados pela prefeitura e dois por exames laboratoriais. Dos testes, são 59 pessoas do sexo masculino, com idades entre 2 e 74 anos, e 56 pessoas do sexo feminino, entre 1 e 77 anos. Dos exames laboratoriais são duas pessoas do sexo masculino, de 18 e 35 anos.

O boletim mostra que 6.623 diagnósticos da doença vieram de testes rápidos da prefeitura, enquanto 1.171 de exames laboratoriais. Petrolina teve mais um óbito por Covid-19, somando agora 113. Trata-se de um idoso, de 77 anos, sem informações de outras doenças. Ele estava internado em um hospital da rede privada e faleceu nesta sexta-feira (6).

Leitos

A taxa de ocupação geral dos leitos de UTI da rede pública é de 29,03%. Dos 31 leitos disponíveis, 9 estão ocupados, sendo 7 por pacientes de Petrolina e dois por aqueles de outras cidades da região. Os dados completos podem ser acessados pelo link.

Bairros

O mapeamento da SMS mostra que o Centro da cidade e os bairros Cohab Massangano, João de Deus, José e Maria e Areia Branca continuam com o maior número de casos confirmados da doença.  Vale destacar que há três pessoas em situação de rua (já curadas clinicamente) e que não aparecem na lista de bairros com casos confirmados. A relação completa pode ser acessada pelo link.

Raça/cor/etnia

Os dados referentes à raça/cor/etnia dos casos confirmados neste sábado seguem abaixo. A relação é feita de acordo com as categorias do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE): branca, preta, parda, amarela, indígena.

5 COMENTÁRIOS

  1. Ficando assustador a cada dia, ônibus de todos os bairros, super lotados no horário de pico, festas , bares, restaurantes, supermercados e atacados com pessoas se esbarrando. O que se dar a entender é que as pessoas perderam o medo do Covid 19. Aquela frase “vida que segue “.

  2. Espero que os comerciantes não pague por irresponsabilidade dos governantes sabendo tal situação que estamos passando ficam fazendo campanha política de forma errada atraindo a população para aglomeração aumentando os casos de covid , minha indignação é se fechar o comércio após campanhas políticas vamos está atento a isso a culpa não é do comércio !!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome