Pernambuco reduz queda nos Crimes Violentos contra o Patrimônio em fevereiro; Sertão é destaque

por Carlos Britto // 12 de março de 2021 às 19:47

Todas as regiões de Pernambuco reduziram os Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVPs) no mês de fevereiro, em todas as modalidades, que englobam roubos de veículos, celulares e carga, bem como investidas em ônibus. Dentro desse cenário, a sequência de queda de CVP completa 42 meses consecutivos. No segundo mês deste ano, a variação atingiu -30,42%. Foram 4.122 ocorrências em fevereiro de 2021 contra 5.924 em 2020, ou seja, menos 1.802 queixas.

A Zona da Mata obteve a maior redução, com -47,31%, seguida de Sertão (-46,11%), Região Metropolitana (-33,02%) e Agreste (-27,37%). A capital pernambucana atingiu o menor índice desde o início da série histórica, em 2005 (ver lista abaixo). Em fevereiro deste ano, contabilizaram-se 1.530 crimes, uma redução de 21,66% em relação a 2020, quando houve 1.953 queixas. No acumulado do ano, os casos em Pernambuco recuaram 29,02%, com 8.652 crimes neste ano contra 12.190 queixas no mesmo período do ano passado.

Os nossos policiais continuam empenhados para que os números da violência continuem baixando mês a mês. Desde o início do ano, já foram apreendidas 1.123 armas e mais de 11 mil pessoas foram autuadas em flagrante delito. Nossos esforços estarão sempre voltados para preservar a ordem pública e o bem-estar social“, ressaltou o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua.

Sertão

Ainda conforme o relatório, o Estado teve uma redução de 27,98% no número de roubo de veículos, comparando com o seu equivalente em 2020. Foram 641 queixas no segundo mês deste ano, contra 890 no ano passado. O Sertão teve a maior redução com -53,49%, seguido por Zona da Mata (-40,74%), Agreste (-26,59%), Região Metropolitana (-22,07%) e Recife (-21,43%).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.