Pernambuco quer alfabetizar 400 mil pessoas até 2010

por Carlos Britto // 18 de dezembro de 2008 às 11:41

Está sendo lançado, agora pela manhã, no Clube Internacional do Recife, o Programa Paulo Freire – Pernambuco Escolarizado. A iniciativa, que funciona em parceria com o Programa Brasil Alfabetizado, do MEC, tem a meta de levar a alfabetização a 400 mil jovens e adultos pernambucanos na faixa etária de 15 a 29 anos até 2010.

O programa vai durar 10 meses, sendo oito de escolarização e dois de iniciação profissional. Já em 2009, a previsão é de que cerca de 70 mil analfabetos participem do projeto. Os jovens receberão aulas de iniciação profissional de acordo com as características econômicas e sociais das regiões em que vivem.

Os alfabetizados serão capacitados em áreas como Gestão e Organizações Sociais, Agroecologia, Segurança Alimentar e Nutricional, Agricultura Familiar, Piscicultura, Caprinocultura, Ovinocultura e Apicultura.

Em Pernambuco, dos 185 municípios, 162 apresentam mais de 25% de sua população com mais de 15 anos em situação de analfabetismo. Hoje, são cerca de 930 mil analfabetos em todo o Estado.

Da Redação do DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.