Pernambuco continua liderando denúncias eleitorais em aplicativo do TRE-PE

por Carlos Britto // 05 de setembro de 2022 às 10:05

Foto: reprodução TSE

O número de denúncias de irregularidades em campanhas eleitorais em Pernambuco recebidas via aplicativo Pardal mais que triplicou nos últimos 10 dias. É o que revelam os dados levantados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Até ontem (4), o sistema registrou 883 denúncias de propaganda eleitoral irregular no Estado – no último levantamento, de 25 de agosto, eram 256. Pernambuco permanece como a unidade da federação com maior número de registros

Os dados do Estado são superiores aos de São Paulo, com 668 denúncias de propaganda irregular, e de Minas Gerais, com 632 – os três com maior número de casos. A capital, Recife, é a cidade com o maior número de registros (382), seguida por Cabo de Santo Agostinho (72), Jaboatão dos Guararapes (56), Olinda (39) e Caruaru (34).

Qualquer pessoa pode usar o Pardal para fazer denúncias, sendo vedado o anonimato. Portanto, deverão constar, obrigatoriamente, o nome e o CPF de quem denunciou, além de elementos que indiquem a existência do fato, como vídeos, fotos ou áudios, resguardados ao denunciante o sigilo de suas informações pessoais, sendo assegurada a confidencialidade da sua identidade. Em caso de má-fé, o usuário responderá pelo ato e ficará sujeito às penalidades cabíveis.

O Pardal foi desenvolvido pela Justiça Eleitoral para uso gratuito em smartphones e tablets e está disponível para download nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

Fiscalização

Diariamente, as equipes de fiscalização da propaganda eleitoral fazem rondas nas ruas para verificar denúncias recebidas pelo Pardal, além das fiscalizações de rotina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.