Paulo Bomfim intensifica medidas preventivas e determina fechamento de todo o comércio de Juazeiro

0
Foto: WhatsApp/reprodução

Em Juazeiro (BA), o prefeito Paulo Bomfim reuniu-se na manhã deste sábado (21) com o Comitê de Prevenção e Enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19) e ao H1N1 e intensificou as medidas restritivas para ampliar as ações de prevenção. O novo decreto passa a vigorar a partir da próxima terça-feira (24) e inclui, entre outras determinações, o fechamento de todo o comércio por sete dias.

Ao longo desta semana decretamos diversas medidas para prevenção e combate ao contágio tanto da Covid-19 quanto do H1N1.  Mediante conversas permanentes com o Comitê de Saúde e profissionais que estão no dia a dia no enfrentamento dessa doença viral, temos trabalhado para evitar uma propagação de grandes proporções em Juazeiro e tenho certeza de que contaremos com a compreensão e apoio de toda a nossa sociedade“, explanou o prefeito.

Na manhã de hoje equipes da Secretaria de Saúde interditaram uma feira no Centro da cidade, onde havia um grande número de pessoas (foto).

Decreto

A partir da próxima terça-feira, serão decretadas as seguintes medidas:

– Fechamento do Comércio por sete dias, mantendo abertos apenas supermercados, mercadinhos, padarias, açougues, casas de rações e defensivos agrícolas, preservando o distanciamento e limite máximo de pessoas em cada ambiente. Este prazo será reavaliado, podendo ser prorrogado a qualquer tempo;

– Farmácias, mercadinhos, casas da rações e supermercados devem disponibilizar álcool em gel 70% para higienização dos clientes;

– Fechamento das feiras livres e do Camelódromo;

– Fechamento dos bares e restaurantes, permitindo o funcionamento apenas para o serviço delivery;

– Restrição do acesso ao Mercado do Produtor, impedindo a entrada de caminhoneiros oriundos de cidades com casos já confirmados de Covid-19.

– Direção da AMA deve limitar e divulgar o número de caminhões e carrinheiros que terão acesso por período;

– Solicitar aos órgãos estaduais e federais o controle das rodovias de acesso a Juazeiro, impedindo a entrada de pessoas oriundas de cidades com casos já confirmados de Covid-19;

– Fechamento de salões de beleza e centros estéticos;

– Recomendar ao governo do Estado o fechamento da rodoviária de Juazeiro;

– Recomendar ao governo do Estado a proibição do acesso de vans e ônibus do transporte alternativo/complementar à cidade;

– Determinar a higienização dos ônibus que transportam os trabalhadores das fazendas da região de Juazeiro, assegurando o distanciamento mínimo de um metro entre eles.

– Determinar que os profissionais de saúde tenham livre circulação com apresentação de documento de trabalho;

– Suspender a cobrança da Zona Azul até o dia 31 de março de 2020;

– Determinar a suspensão do atendimento ao público nas secretarias municipais, excluindo a Secretaria da Saúde, SAAE, Sefaz e situações emergenciais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome